[Receita] Farofa Low-Carb: Como Fazer A Farofa Cetogênica

Recentemente, fizemos uma brincadeira no Instagram — em que perguntamos sobre alimentos low-carb que começariam com a mesma letra do nome da pessoa.

(Veja o post aqui.)

E, além de comentários divertidíssimos (de Vanessa escolhendo Vodka a Wagner tomando Whey), eis que o Flávio nos faz a seguinte pergunta.

Tem farofa low-carb?”

Por isso, em homenagem a todos os Flávios — e Flávias, Fábios, Fabianas, Fernandos e Fernandas

E a todos os nossos Fãs… (viu o que eu fiz aqui? 😉)

Hoje trazemos a receita de farofa low-carb.

Sendo que esta receita foi pensada, testada e aprovada pela primeira vez quando fomos compor uma ceia de Natal Low-Carb.

Ceia que incrementamos com receitas como:

Além do peru — mas este já é naturalmente baixo em carboidratos.

De toda forma, esta receita é boa demais para ficar restrita apenas ao Natal: agora você pode degustar sua receita de farofa low-carb a qualquer época do ano.

Então vamos ver como se faz a super farofa low-carb do Senhor Tanquinho.

E, logo depois da receita, teceremos alguns comentários importantes sobre essa farofa baixa em carboidratos.

Receita De Farofa Molhadinha Low-Carb E Cetogênica

(Gostou do vídeo? Clique aqui para se inscrever gratuitamente em nosso canal do Youtube e sempre ter acesso a receitas como essa.)

Tempo de preparo: 10 minutos
Tempo de espera: 30 minutos

Quantidade de carboidratos líquidos por porção: 7g

Ingredientes (cerca de 6 porções):

Preparo:

  • Em uma panela, adicionar o óleo de coco, o alho e a cebola e deixar refogar por cerca de 5 minutos;
  • Adicionar a calabresa e deixar refogando mais um pouco;
  • Adicionar o tomate e as azeitonas e misturar bem;
  • Esperar a mistura secar um pouco (o tomate vai soltar um pouco de água);
  • Adicionar o restante dos ingredientes e misturar bem;
  • Servir.

Relacionado: conheça nossas 5 receitas favoritas de massa de pizza low-carb.

Receita De Farofa Low-Carb Cetogênica — Observações Importantes

Como você viu, é bem fácil fazer uma farofa low-carb.

Sendo que algumas modificações podem ser feitas à receita acima.

Seja para você aproveitar melhor alguns ingredientes low-carb que já tenha na sua casa.

Seja para respeitar alguma restrição alimentar que você possa ter.

Então vamos começar com estas: caso você seja vegetariano low-carb, pode simplesmente omitir a linguiça calabresa da farofa — assim como você faria em qualquer farofa (mesmo uma mais rica em carboidratos).

Nesse caso, pode compensar acrescentando um pouco mais  de azeitonas, por exemplo, de modo a fornecer aquele sabor mais “salgadinho” a sua farofa.

Por outro lado, pode ser que você coma produtos de origem animal — e uma substituição possível para a calabresa é o bom e velho bacon.

Assim como no caso de qualquer embutido (ou mesmo de qualquer laticínio), nós sempre vamos optar por aqueles com um menor grau de processamento. Isto é: quanto mais artesanal melhor.

Sendo assim, sua farofa low-carb fica muito gostosa com bacon também.

Você também pode utilizar outras farinhas baixas em carboidratos.

Algumas opções comuns incluem:

  • Farinha de coco (sequinha e bem gostosa),
  • Farinha de amendoim (um sabor inconfundível),
  • Farinha de frango (rica em proteínas),
  • Farinha de linhaça (a mais barata fácil de achar).

Você pode usar alguma destas farinhas — ou uma mistura com duas ou mais delas.

(Nós nunca tentamos com amendoim nem com linhaça — e geralmente optamos por fazer farofa low-carb com a farinha de amêndoas justamente porque ela tende a apresentar um sabor mais neutro.)

No entanto, se você fizer alguma alteração, nos conte como ficou o resultado!

Agora, uma alteração que não pode ser feita é usar aveia (ou farinha de aveia, ou farelo de aveia).

Isso acontece porque a aveia não é um alimento baixo em carboidratos — e nem mesmo é um alimento necessariamente saudável.

E, se você busca reduzir a ingestão de carboidratos no seu dia a dia, pode ser interessante conhecer outros alimentos low-carb ricos em fibras.

Dessa forma, podemos concluir que — para a alegria do Flávio — existem muitas maneiras de se comer farofa na dieta low-carb.

E todas elas podem ser muito gostosas e saudáveis.

Lembre-se de nos contar ao fim deste artigo se você já fez alguma delas — e, se sim, qual versão da farofa low-carb é a sua favorita.

Bom apetite!

Forte abraço,
— Guilherme e Roney, fundadores do Senhor Tanquinho.

Observação: Esta receita de farofa low-carb é divina — e é por isso que a escolhemos (junto com 120 outras receitas incríveis) para compor nosso livro físico de receitas low-carb.

E, neste momento, estamos oferecendo frete grátis para todo o Brasil. Você pode clicar aqui para saber mais sobre esta oferta.

Deixe um comentário

avatar
  Receba atualizações dos comentários  
Notifique-me de