Dieta Slow Carb: Cardápio, Receitas e Lista de Alimentos Permitidos: 5 Regras Simples Para Emagrecer Agora!

slow carb, dieta, emagrecer, saúde, low carb, tim ferriss, nutrição, cardápio

Senhoras e senhores, com este post o Senhor Tanquinho orgulhosamente inaugura sua seção de dietas e começaremos com uma das mais eficientes dietas para perda de peso.

É uma dieta que funciona bem para as mais variadas situações, porém se mostra especialmente eficiente para pessoas que precisam perder uma grande quantidade de peso (mais de 10 kg, por exemplo).

Além disso, muitas pessoas começam sua jornada de re-empoderamento do próprio corpo por meio desta dieta, não só porque ela propicia resultados perceptíveis num prazo relativamente curto (em 4 a 6 semanas já é possível ver mudanças significativas), mas também por ser facilmente mantida a longo prazo.

É a dieta Slow carb, conforme popularizada por Tim Ferriss em seu livro “4 Horas Para o Corpo“.

Porém, como o Senhor Tanquinho não gosta de deixar as coisas “no ar”, abaixo de cada regra segue uma explicação simples daquela regra.

Além disso, preparamos uma explicação mais detalhada e um FAQ que você pode consultar na segunda parte do artigo.

Cardápio e Lista de Alimentos Slow Carb

slow carb, dieta, emagrecer, saúde, low carb, tim ferriss, nutrição, cardápioSe você busca uma cardápio completo e uma lista de alimentos, clique aqui.

Então, sem mais delongas, as regras são:

 1 – Evite Carboidratos Brancos

slow carb, dieta, emagrecer, saúde, low carb, tim ferriss, nutrição, cardápio

Não coma nenhum alimento fonte de carboidratos que seja, ou possa ser, branco – inclusive o onipresente açúcar.

Isso inclui: Arroz (inclusive integral), todo tipo de pão, bolos, cereais, batatas, macarrão, tortillas, mandioca, frituras à milanesa e tempura. Evite esses alimentos e você estará seguro.

E é pra isso que vem o ponto 2.

(Mas calma: ainda tem bastante coisa que pode comer.)

 2 – Coma As Mesmas Refeições

Eu imagino que você já tenha bastantes assuntos e preocupações a ocupar sua mente no dia-a-dia, certo?

Então certamente não quero complicar ainda mais sua vida com essa dieta, fazendo você ter que pensar em número de calorias, “pontos”, ou qualquer outra unidade maluca a cada vez que você for se alimentar.

Basicamente, para cada refeição sua você deve escolher um item de cada categoria a seguir. Misture à vontade:

1) Proteínas:

slow carb, dieta, emagrecer, saúde, low carb, tim ferriss, nutrição, cardápio

Proteínas podem ser consumidas à vontade, e inclusive pode ser que você precise consumir mais proteína do que imagina – saiba mais clicando aqui.

2) Leguminosas:

slow carb, dieta, emagrecer, saúde, low carb, tim ferriss, nutrição, cardápio

  • Lentilhas;
  • Feijão (preto, vermelho, carioca);
  • Soja;

3) Vegetais:

slow carb, dieta, emagrecer, saúde, low carb, tim ferriss, nutrição, cardápio

  • Espinafre;
  • Mix de vegetais (brócolis, couve-flor, cenoura);
  • Aspargos;
  • Ervilhas;
  • Brócolis.

A maioria das pessoas que segue esta dieta costuma fazer de três a quatro refeições por dia. Você pode fazer mais, mas não há uma real necessidade disso.

Apenas se lembre de comer até ficar saciado – os alimentos envolvidos na dieta não são caloricamente densos e o tempo decorrido até sua digestão completa é maior do que o de açúcares refinados.

Apesar de poder basear as suas refeições sempre nos mesmos alimentos, sua dieta não precisa ser sem graça.

Nesse artigo, uma Chef amiga do Tim Ferriss explica como tornar dieta Slow Carb ainda mais saborosa.

Para cardápio gratuito de 1 semana e lista de alimentos permitidos, clique aqui.

 3 – Não Beba Calorias

slow carb, dieta, emagrecer, saúde, low carb, tim ferriss, nutrição, cardápio

Beba muita água, e café e chá (sempre sem açúcar) à vontade, mas não consuma leite, refrigerantes, ou sucos de fruta.

(Se você é viciado em refrigerantes, mude para o diet ou zero, mas apenas provisoriamente, e não mais que uma latinha por dia.)

Além disso, vinho tinto seco pode ser consumido com moderação (leia-se: até duas taças por dia). Muitas pessoas também relatam que tomar uma ou duas taças à noite ajuda a controlar a vontade de doces que elas estão acostumadas a consumir nesse horário.

Continuam proibidos vinhos brancos, rosé e cervejas.

 4 – Não Coma Frutas

slow carb, dieta, emagrecer, saúde, low carb, tim ferriss, nutrição, cardápio

Isso mesmo, esta regra vai na contramão da maioria dos conselhos nutricionais que você vê por aí.

A razão principal disso, segundo Ferriss, é que as frutas são ricas em um tipo de açúcar chamado frutose, que é metabolizado em gordura mais rapidamente do que a maioria dos outros açúcares.

Além disso, você não precisa comer frutas para ser saudável.

Porque você pode obter suas vitaminas e micronutrientes por meio de legumes e verduras – e deixar as frutas de lado 6 dias por semana.

Peraí, por que SEIS dias?

Porque a regra número 5 (e minha favorita) diz que, um dia por semana, você poder comer tudo o que quiser, e o quanto quiser!

Para cardápio completo e uma lista de alimentos, clique aqui.

 5 – Um Dia Do Lixo Por Semana

slow carb, dieta, emagrecer, saúde, low carb, tim ferriss, nutrição, cardápio

Nesse dia mágico, para o qual recomendo sábado ou domingo, você pode comer tudo o que quiser, todas as exceções às regras, na quantidade que desejar.

Saiba que esse dia é muito importante para a dieta funcionar, tanto para regulação hormonal (grelina, leptina) – impedindo que seu corpo diminua demasiadamente o metabolismo devido à dieta – quanto para que essa dieta seja sustentável a médio e longo prazos (para informações mais detalhadas sobre o “dia do lixo” acesse nosso post sobre ele clicando aqui).

Afinal, ia ser muito ruim você nunca mais poder comer os alimentos que mais gosta, não é mesmo?

Felizmente, você poderá comê-los na quantidade que desejar, todas as semanas!

Basta que restrinja esse consumo a um dia apenas da semana. Não é tão difícil, hein?

É isso! Basicamente, siga as regras da dieta (sem contar calorias nem nada assim), e me diga se em duas semanas seguindo essas regras você já não consegue emagrecer visivelmente!

Abaixo, um pequeno resumo visual para ninguém se esquecer das dicas do Senhor Tanquinho!

E fiquem ligados para novos posts, com mais saúde, explicações e aprofundamentos…

Relacionado: Cardápio Completo para 91 dias de dieta Slow Carb. Emagreça em 3 meses com a Dieta de Tim Ferriss.

F.A.Q.: As Perguntas Mais Frequentes Sobre A Dieta Slow Carb

paleo, dieta, paleolítica, emagrecer, saúde, low-carb
A maioria dessas questões foi abordada por Tim Ferriss em seu livro best-seller que popularizou essa dieta, o excelente “4 Horas Para o Corpo”.

“Não dá para seguir essa dieta! Ela restringe muito os alimentos!”

slow carb dieta e suas 5 regras de tim ferriss

Os milhares de praticantes dessa dieta ousam discordar. Todavia, caso você não esteja convencido(a) de que consegue segui-la, tenho uma sugestão.

Comece a mudança aos poucos. Um bom início é alterar o seu café da manhã: tente ingerir pelo menos 30 gramas de proteína até 30 minutos depois de acordar. Você pode substituir seu pãozinho por um belo omelete, por exemplo. Ou, caso não tenha o tempo e apetite para isso, tomar um shake de proteína assim que acordar.

Não é muito difícil e você deve ver resultados (ainda que modestos) em cerca de 1 mês.  Aí, espera-se que isso te motive a abraçar a dieta de vez por 6 dias – apenas seis dias, você consegue! Afinal, o sétimo será o dia do lixo e você já poderá comer tudo o que quiser, por 24 horas, sem parar!

Outra dica útil, que eu mesmo utilizo, é anotar num arquivo de texto no celular ou computador cada vez que tenho um desejo por algo durante a semana (geralmente, massas diversas, chocolate, sorvete e cervejas).

Desse modo, nunca fico mais de 6 dias sem comer os alimentos de que mais gosto, e tudo isso enquanto colho os doces frutos de um abdômen tanquinho.

Para baixar o cardápio completo de uma semana e uma lista de alimentos, clique aqui.

Também temos um cardápio de 91 dias de dieta + livro de receitas, confira.

“Posso usar adoçante na dieta Slow Carb?”

De preferência, não use. Tomar café ou chá sem adoçar, por exemplo, é apenas questão de costume.

Experimente ir removendo os adoçantes gradativamente, diminuindo a quantidade usada semana após semana…

Porém, se for consumir, sugiramos que dê preferência para os adoçantes naturais, como a estévia, e alguns açúcares de álcool, como o xilitol e o eritritol.

Para sanar todas as suas dúvidas sobre adoçantes e saber quais os mais saudáveis e benéficos para seu emagrecimento, recomendo que escute ou leia esse podcast gratuito do Dr Souto (maior autoridade brasileira em low-carb) sobre o assunto.

“Gosto de variedade, não de ficar comendo sempre as mesmas coisas!”

keto,cetose,cetogenica,dieta,emagrecer,saúde,low carb,cetonicos

Como o próprio Ferriss fala, a “maioria das pessoas superestima a variedade de pratos que come regularmente”. Excetuando viagens e circunstâncias excepcionais, as pessoas mal percebem e acabam comendo diversas refeições que, se não iguais, são pelo menos muito próximas.

Por exemplo, para muitos brasileiros, a combinação arroz e feijão faz parte do dia-a-dia. No café da manhã, então, muitos comem basicamente a mesma refeição todos os dias. Sendo assim, não é um sacrifício tão grande repetir refeições – basta escolher as certas para repetir.

Ademais, os alimentos envolvidos não são, de maneira alguma, ruins ou sem sabor – ainda mais se lembrarmos que ervas, temperos e condimentos estão liberados, possibilitando uma infinidade de sabores no seu prato (prova disso é nosso livro gratuito com receitas saudáveis para emagrecer). Experimente, emagreça, e seja feliz.

Veja o cardápio completo e uma lista de alimentos, clique aqui.

Confira também nosso livro de receitas slow carb com cardápio para 147 dias.

Tudo bem, consigo fazer almoços e jantares Slow Carb… Mas e o café da manhã!?”

Receitas Low-Carb de Café da Manhã para Emagrecer Feliz: Clique Aqui!Esta é uma excelente pergunta, porque o café da manhã na dieta Slow Carb é uma dificuldade para muitas pessoas.

Claro, você pode comer ovos e bacon – mas muita gente não consegue comer apenas isso todos os dias.

E foi pensando nisso que preparamos uma coletânea de livros de receita de café da manhã low carb – e que é perfeito para a Dieta Slow Carb.

(Ou você pode clicar aqui para ver os vídeos grátis de receitas.)

“Devo tomar algum suplemento?”

slow carb, dieta, emagrecer, saúde, low carb, tim ferriss, nutrição, cardápio

Como essa dieta causa elevada perda de água (e é sugerido elevado consumo dela), especialmente no início, podem ser consumidos (embora não seja obrigatório) suplementos de cálcio, magnésio e potássio – importantes eletrólitos para a regulação de processos metabólicos.

Uma alternativa é o consumo de um multivitamínico, que auxilie a suprir essa demanda, além de outros micronutrientes úteis.

Aqui vale pontuar que a suplementação não precisa fornecer 100% das necessidades diárias – afinal, seguindo as recomendações de consumo amplo de vegetais e legumes, você deve obter uma boa parte de suas vitaminas e minerais via alimentação.

“Não comer frutas? Mas elas não são necessárias para uma dieta balanceada?”

paleo, dieta, paleolítica, emagrecer, saúde, low-carb

Na verdade, não. Para começar, não existe um consenso do que seja uma “dieta balanceada”. Agências federais não conseguem chegar a uma definição oficial, e não há evidências científicas que sugiram a necessidade do consumo de frutas mais de uma vez por semana, no dia do lixo.

Além disso, que tal um pequeno exercício de imaginação? Se você, como boa parte da população brasileira, tem ascendência europeia, tentemos imaginar como era a vida durante os invernos rigorosos de lá.

Muita neve, nada de plantações, nada de estufas, nada de agrotóxicos. As mercadorias (inclusive alimentos) levavam meses e meses para chegar aos seus destinos – então, nada de alimentos perecíveis nesse período.

Você acha que seus ancestrais comiam frutas o ano todo? Pode apostar que não. E, ainda assim, você está aqui, provando que os humanos são perfeitamente capazes de sobreviver sem se alimentar extensivamente com frutas.

Para terminar, a explicação mais científica. Frutas são ricas em frutose, um açúcar que é facilmente convertido em triglicérides (via reações metabólicas do fígado) e, desse modo, aumenta a deposição de gordura.

E aqui, vale um lembrete: Tim Ferriss cita tomate e abacate como as únicas exceções a essa regra, e ainda diz que este último deve ser consumido com moderação. Então, capriche nas verduras e esqueça as frutas!

Por outro lado, se você leu tudo até aqui e ainda estava com essa dúvida, então possivelmente você ainda não entendeu completamente do que se trata a dieta slow carb.

E tudo bem: realmente deve ser um mundo novo para você, cheio de conceitos diferentes daqueles que você estava acostumado a escutar por aí.

Por isso, recomendamos que você acesse nossa lista de alimentos e nosso cardápio gratuitos para a dieta slow carb.

E, por fim, se quiser se aprofundar e entender ainda mais como é o dia a dia desse estilo de vida, convidamos você para conhecer nosso material premium clicando aqui.

“Posso ingerir álcool durante a dieta? Quais tipos de bebidas alcoólicas são melhores?”

keto,cetose,cetogenica,dieta,emagrecer,saúde,low carb,cetonicos

No dia do lixo, você pode comer E beber o que quiser! Entorne litros e litros de cerveja (ou qualquer bebida de sua preferencia!) se quiser, simplesmente não há restrições!

Em dias de dieta (os outros seis dias da semana), fique com vinhos secos – sendo que com “secos” quero dizer vinhos com menos de 1.4% de açúcar residual. As variedades recomendadas para os tintos são Pinot Noir, Cabertnet Sauvignon e Merlot, e para os brancos geralmente Sauvignon Blanc e Albariño. Inclusive falamos mais sobre vinhos na dieta Slow Carb aqui.

Eu geralmente tomo apenas tintos secos que, além de harmonizar muito bem com carnes em geral (sua fonte de proteínas!), ainda auxiliam a controlar as vontades de doces e alimentos proibidos durante os dias de semana – algo relatado também por outros seguidores da dieta.

Para dias de porre e bebedeira generalizada, confira o artigo completo sobre álcool e dieta.

“Senhor Tanquinho, o que posso comer de lanche da manhã/tarde?”

slow carb, dieta, emagrecer, saúde, low carb, tim ferriss, nutrição, cardápio

Seguindo esta dieta, não deve haver fome ou desejo de lanchinhos regularmente. Se você fica com fome entre refeições, provavelmente não está comendo proteína suficiente a cada refeição.

Esse é um erro muito comum, especialmente para iniciantes: como estamos comendo alimentos menos caloricamente densos, no geral, precisamos de mais quantidade dos mesmos para obter as calorias diárias necessárias.

Coma até ficar saciado, sem medo de quantidade – lembrando que a maioria dos seguidores faz 3 ou 4 refeições por dia.

Igualmente, fome antes de dormir significa que você não está comendo o bastante no jantar. Se a fome for muita (a qualquer momento do dia), simplesmente coma outra refeição estilo slow-carb. Não vai fazer mal.

Relacionado: cardápio de 91 dias de dieta + livro de receitas, confira.

Outra explicação possível para o desejo de comer entre refeições é que este seja simplesmente por razões emocionais: stress, solidão e até procrastinação são alguns exemplos de situações em que podemos recorrer à comida de modo a satisfazer emoções mal resolvidas.

Todos já passamos por isso, e realmente não há uma solução mágica. Felizmente comer de 3 em 3 horas é apenas mais um mito da nutrição: quando tiver fome simplesmente coma os alimentos permitidos até o ponto de saciedade. Não há segredos.

“Preciso mesmo de um dia do lixo?”

slow carb, dieta, emagrecer, saúde, low carb, tim ferriss, nutrição, cardápioÉ muito importante aumentar o consumo calórico um dia por semana. Seu corpo agradecerá os benefícios hormonais, e sua mente agradecerá os benefícios psicológicos.

Para mais detalhes e informações sobre o “dia do lixo”, acesse nosso post sobre ele clicando aqui e fique por dentro de todos seus benefícios.

Além disso, outro argumento é que as pessoas invariavelmente acabam saindo dos alimentos permitidos na dieta, uma hora ou outra.

Sendo assim, é melhor ter esses momentos planejados adiante (por exemplo, todos os sábados), o que ainda por cima ajuda a aumentar a aderência à dieta no longo prazo.

Por fim, a humanidade se desenvolveu muito, e inclusive aprendeu a cozinhar deliciosos pratos e refeições – alguns dos quais não pertencem aos outros seis dias da semana.

Seria uma pena você se privar deles para sempre.

De todo modo, você não precisa necessariamente comer “porcarias”.

Porque existem maneiras bem saborosas de fazer o dia do lixo comendo alimentos mais naturais.

Adote os dias do lixo, e fique em forma sem deixar de aproveitar o que a vida tem de bom.

“Consegui modificar minhas refeições, mas e o café da manhã?”

slow carb, dieta, emagrecer, saúde, low carb, tim ferriss, nutrição, cardápio

Para a maior parte dos leitores, o café da manhã costuma ser a refeição mais difícil de modificar: estamos acostumados a comer sempre os mesmos alimentos, e geralmente não permitidos por essa dieta: leite, iogurte, pão, torrada, cereais…

Como até o Senhor Tanquinho acha indigesto comer frango ao acordar, geralmente como ovos, sejam eles cozidos (mais fáceis de preparar) ou na forma de omelete.

Espinafre refogado também é uma boa pedida – não faça essa cara, experimente primeiro – ainda mais com os ovos – e veja como um café da manhã nutritivo também pode ser delicioso.

Se ainda assim não foi convencido pelo espinafre, você pode acompanhar os ovos com peito de peru e fatias de tomate – um sabor mais tradicional, e ainda assim slow carb. Queijo cottage também é uma de minhas adições favoritas a essa refeição.

Seguindo essas regras, você está inserindo mais proteína em seu café da manhã, o que não só aumenta a sensação de saciedade, mas também ajuda a acelerar seu metabolismo logo cedo. Mude o café da manhã e confira os resultados!

Veja algumas opções deliciosas para variar no café da manha.

Para visualizar o cardápio completo e uma lista de alimentos, em alta resolução, clique aqui.

cardapio slow carb

Devo praticar exercícios físicos para emagrecer durante esta dieta?

Não, exercícios físicos não são essenciais para o emagrecimento e você conseguirá emagrecer perfeitamente apenas se alimentando seguindo os preceitos da dieta Slow-Carb.

Mas, é claro que atividades física são sempre muito bem vindas, elas podem não só acelerar seus resultados, como também te deixar com mais disposição e energia durante todo seu dia.

Portanto, se gosta de praticar exercícios de qualquer natureza, pratique-os à vontade.

Neste artigo falamos sobre os três melhores tipos de exercícios físicos para se praticar durante uma dieta low-carb, todos visando otimizar a queima gordura corporal.

A falta de doce é o maior empecilho para meu emagrecimento. É possível comer doces na dieta slow carb?

Felizmente a resposta é SIM! Agora você não tem mais a desculpa da falta do sabor doce em sua dieta para deixar de segui-la.

Isso porque após muito pedidos de nossos leitores, nós criamos a Coletânea de Receitas de Sobremesas Low-Carb para emagrecer com Prazer – são mais de 59 receitas low-carb para te ajudar a não fugir da dieta nem na hora da sobremesa.

Você pode conferir 4 receitas gratuitas aqui neste link.

Para finalizar, o que dizer sobre dieta slow carb e jejum intermitente?

O jejum intermitente pode ser sim uma adição inteligente a uma dieta Slow Carb, rica em alimentos de verdade e altamente saciantes.

E nós mesmo o praticamos já há alguns anos (clique aqui para descobrir como fazemos nosso jejum).

Isso porque o jejum intermitente tem diversos benefícios para a saúde – e pode ser mais uma ferramenta para te ajudar a emagrecer, se sentir bem, e viver mais e melhor.

Se você tem dúvidas sobre como conciliar o jejum intermitente com uma dieta como a Slow-carb, este texto foi feito para você.

E, se você tem outras dúvidas sobre o assunto, aqui estão as respostas para 11 maiores dúvidas sobre jejum intermitente.

“Gostei do artigo, mas ainda tenho dúvidas. O que faço agora, Senhor Tanquinho?”

Se você tem alguma dúvida que não foi sanada neste post ou em outros, deixe um comentário abaixo – ou faremos um novo, dependendo da complexidade. Em todo caso, não se iniba: o Senhor Tanquinho está aqui para te ajudar!

Save

Save

Save