Dia do Lixo: 3 Motivos e 4 Dicas Para Adicionar o Dia do Lixo Agora Mesmo em Sua Dieta

dia do lixo,dieta,emagrecer,saúde,slow carb,gala,dukan

Já mencionamos que o dia do lixo (também chamado de dia livre) é um importante componente de algumas dietas – sendo uma das cinco regras da dieta Slow Carb, e um dos princípios por trás das “refeições de gala” da Dieta Nova Dukan.

E quase todos que adotam esse conceito não querem mais abrir mão dele – afinal, não é toda dieta que traz emagrecimento ao mesmo tempo em que te permite comer tudo o que quiser, na quantidade que quiser, todas as semanas.

Porém, muitos ainda têm dúvidas quanto aos motivos pelos quais o dia do lixo funciona.

E este post vem para sanar todas as suas dúvidas.

Infográfico Resumo

Se você não estiver com tempo agora de ler o texto completo, esse infográfico poderá lhe fornecer as principais informações do post de maneira resumida.

infografico-dia-do-lixo-preview

Clique na imagem acima para visualizar o infográfico completo.

O que Acontece com Seu Corpo Quando Você Faz Dieta?

dia do lixo,dieta,emagrecer,saúde,slow carb,gala,dukan

Quando você faz dieta você diminui significativamente o número de calorias ingeridas ao longo de alguns dias.

E a ingestão calórica está muito ligada à secreção de leptina a qua, por sua vez, é um hormônio muito importante.

E ela é importante, especialmente neste nosso contexto de emagrecimento.

Porque uma de suas funções é auxiliar no controle da glândula tireóide, que é uma glândula fundamental para sua habilidade de emagrecer.

Sendo assim, a queda na circulação de leptina em seu corpo acarreta a queda na circulação dos hormônios T3 e T4.

E, quando isso acontece, seu metabolismo desacelera dramaticamente, e você perde menos peso.

Pense nisso por um momento: você come menos, e sua perda de peso diminui.

E sei que isso não parece justo!

Mas é isso que acontece quando seus hormônios trabalham contra você.

Felizmente, há um jeito de fazê-los trabalhar a seu favor

Temos de nos lembrar que os níveis de leptina têm uma relação direta com a sua ingestão calórica.

Isso é, assim como eles diminuem com a ingestão de menos calorias, eles aumentam quando você ingere mais – e aumentam muito quando você consome um montão delas!

E, com algumas poucas exceções, não importa muito de onde essas calorias vêm.

Essa explicação vem diretamente do livro de John Romaniello e Adam Bornstein, Man 2.0: Engineering the Alpha (ainda não disponível em Português).

Como Resolver esse Paradoxo?

dia do lixo,dieta,emagrecer,saúde,slow carb,gala,dukan

Sendo assim, para evitar estagnação no seu emagrecimento, precisamos assegurar uma subida nos níveis de leptina corriqueiramente.

E a melhor maneira de fazer isso é inacreditável de tão boa: você reserva um dia inteiro por semana para comer tudo o que você quiser.

Seu nutricionista pode denominar isso de “realimentação estratégica”, porém o Senhor Tanquinho prefere chamar de “dia do lixo”.

Então, esse tal “dia do lixo” aumenta seus níveis de leptina, o que te auxilia a voltar a queimar gordura. Isso significa que você acaba emagrecendo mais do que se não fizesse o dia do lixo!

Logo, mesmo com a ingestão de uma montanha calórica, o impacto hormonal do dia do lixo contrabalanceia o que você come, de tal modo que os benefícios são maiores do que se você evitasse essa orgia alimentar.

E, quando eu digo “uma montanha de calorias”, é exatamente isso que quero dizer: coma tudo o que quiser.

Pizzas, hambúrgueres, frituras, cervejas, mil sobremesas e até mesmo os refrigerantes

Tudo mesmo – faz parte do plano! E isso de quebra diminui enormemente as dificuldades de se fazer dieta.

No fim das contas, é melhor comer tudo de uma vez do que um pouquinho por dia.

Eu sei, eu sei – parece loucura dizer isso. Vai contra a “sabedoria popular”.

Bem, nós não inventamos a ciência – apenas a explicamos para você!

Clique aqui para baixo infográfico resumo do dia do lixo em alta resolução (grátis)

Três benefícios hormonais do Dia do Lixo:

dia do lixo,dieta,emagrecer,saúde,slow carb,gala,dukan

#1) Melhora na regulação dos hormônios da tireoide:

Quando seu corpo percebe um déficit calórico, diminui a produção de T3 e T4 – ambos importantes hormônios que executam funções de regulação do metabolismo.

Um dia do lixo pode auxiliar o aumento da secreção desses hormônios;

#2) Aumento no gasto calórico em 24 horas:

O superávit calórico do dia do lixo faz seu corpo aumentar a taxa metabólica basal.

Estudos demonstram que esse aumento pode chegar a quase 10%, e acredita-se que possa ser ainda mais significativo;

#3) Aumento na circulação de leptina

Este é provavelmente o melhor benefício dos dias do lixo (ao menos de uma perspectiva de perda de peso).

Pois o aumento da leptina, além dos benefícios já apontados, ainda aumenta a termogênese (queima de gordura).

Os benefícios do dia do lixo, então, atuam em duas frentes: Por um lado, você tem os benefícios físicos e fisiológicos (dos quais já falamos acima).

Por outro lado, ele também oferece uma pausa mental e emocional do “mindset” de dietas.

dia do lixo,dieta,emagrecer,saúde,slow carb,gala,dukan

Eu explico: a maioria das pessoas começa dietas, e depois as abandona, principalmente devido à frustração de não poder comer os alimentos de que mais gostam.

E é justamente aí que os dias do lixo entram: ao permitir que você coma, todas as semanas, o que você quiser, você não deve sentir falta de nenhum alimento.

E o melhor de comer esses alimentos no dia do lixo, é que você o faz sem culpa! Afinal, ele é parte integrante da dieta!

Embora na dieta slow carb seja requerido um dia do lixo por semana, praticamente qualquer plano de restrição calórica pode se beneficiar de um dia do lixo ocasional – particularmente, dietas baixas em carboidrato (low-carb).

“OK Senhor Tanquinho, entendi os benefícios do dia do lixo. Mas ainda estou um pouco confuso(a) com a execução! Você pode dar algumas dicas para isso?”

dia do lixo,dieta,emagrecer,saúde,slow carb,gala,dukan

Mas é claro! Abaixo seguem 4 regrinhas para os “lixeiros” de primeira viagem:

1) Não precisa se estufar de comer. Coma o que quiser, o quanto quiser, mas não se obrigue a comer demais. Os dias do lixo devem ser divertidos, e não uma chateação;

2) Compre suas comidas “lixo” apenas no dia do lixo. Na manhã do dia seguinte, jogue-as fora ou (opção preferida pelo Senhor Tanquinho) dê para alguém. Lembre-se: se estiver disponível na sua casa, você vai acabar comendo-as;

3) Coma suas refeições e as deixe o mais “lixo” possível, mas não precisa comer o que não gosta (ou não pode): se não gosta de pizza ou sorvete (sim, tem gente que não gosta!), não precisa comê-los.

Se tem intolerância a lactose, por exemplo, pode deixar o chocolate de lado. O principal para o seu dia é que você ingira muitas calorias e carboidratos, então se você estiver caprichando nisso, relaxe.

É completamente normal um dia do lixo com frutas e carnes, basta não se esquecer desses dois itens;

4) Divirta-se. Coma sem culpa. Lembre-se sempre de que é um dia estratégico, e necessário para que você possa ficar ainda mais em forma!

dia do lixo - te rock, saude, tanquinho, dieta, slow carb, cheat day
Faça como “The Rock” – exagere no “Dia do Lixo”

Particularmente, nós do Senhor Tanquinho preferimos colocar o dia do lixo aos finais de semana, mas sinta-se a vontade para colocar no dia que achar melhor.

Para finalizar vamos responder às principais dúvidas sobre o dia do lixo em um F.A.Q. exclusivo que preparamos para você.

Clique aqui para baixo infográfico resumo do dia do lixo em alta resolução (grátis)

F.A.Q. Lixeiro: as Principais Dúvidas Sobre o Dia do Lixo Respondidas Agora Com Exclusividade (Ao Vivo)

dieta cetogênica: variações, lista de alimentos permitidos e proibidos e cardápio para dieta do cetônico

Posso fazer jejum após o dia do lixo?

Sim, fazer algum tipo de jejum após o dia do lixo pode ser benéfico para seu organismo, e não há problemas relacionados a essa prática – desde que você se sinta bem com ela, é claro.

Pessoalmente, nós gostamos de adotar um jejum de aproximadamente 24 horas após o dia do lixo para promover mecanismos de limpeza celular (autofagia celular) após a grande demanda sobre o corpo devido a toda a “esbórnia” alimentar.

Inclusive falamos mais sobre jejum intermitente em outro artigo (clique para ler).

No entanto, isso não precisa ser encarado como uma regra universal.

O próprio Tim Ferriss, criador da dieta Slow Carb (que incentiva o dia do lixo semanalmente), não fala sobre JI antes ou após esse dia.

O assunto jejum intermitente também foi abordado pelos especialistas Dr. Souto e o médico canadense Dr. Fung em um debate gratuito que você pode ver com legendas, ou ler a transcrição em português aqui neste link: https://www.senhortanquinho.com/o-jejum

Tenho de contar calorias, carboidratos ou gorduras no dia do lixo?

Não. Como o próprio nome sugere, aproveite seu “dia livre” para ser literalmente… livre!

Nele, você pode comer comer o que e quanto desejar.

Coma sem pensar e sem se preocupar, os alimentos que mais tiver vontade na quantidade que bem entender.

Um outro enfoque que você pode adotar também é encarar o dia do lixo não como “lixo”, mas sim como uma “pausa na dieta”.

Isto é, esqueça que está de dieta e coma o que quiser – mas não se sinta na obrigação de comer em excesso, nem de comer alimentos que você realmente não queira.

Apenas dê uma pausa ao pensamento de dieta e coma de acordo com sua vontade – sem a mentalidade de “preciso comer tudo hoje porque amanhã não tem mais”.

Se for para ficar se preocupando, ou comendo alimentos que você nem tem vontade, então talvez seja melhor nem fazer o dia do lixo.

Afinal, um de seus benefícios é o alívio psicológico – o que não acontece se você fica preocupado a cada mordida dada nesse dia.

Posso tomar bebidas alcoólicas no dia do lixo?

dieta low-carb: cardápio, dicas, receitas e tudo o que você precisa para começar a emagrecer e ter saúde ainda hoje!

Pode sim.

Aproveite esse dia para ingerir sem culpa a sua cerveja, sua caipirinha com açúcar, e até mesmo aquele licor super adocicado que você sempre quis experimentar.

Apenas é importante frisar em relação às bebidas alcoólicas que é uma boa ideia você beber com consciência e sabendo qual é o seu limite.

Dito isso, a dica é relaxar e aproveitar essa “pausa na dieta” da maneira como lhe for mais conveniente.

Nos outros dias, conforme já falamos em outras oportunidades, pode ser melhor se manter sem bebidas alcoólicas ou, no máximo, ingerir uma taça de vinho ocasionalmente.

Posso fazer dia do lixo na minha dieta low-carb?

Conforme explicamos acima, o dia do lixo pode ser uma adição interessante a uma dieta low-carb por ajudar a evitar a estagnação da sua perda de peso.

E isso acontece devido ao efeito de uma maior ingestão de carboidratos (base do dia do lixo) aumentar os níveis de alguns hormônios fundamentais para o emagrecimento.

Desse modo – embora não seja obrigatória e muita gente viva muito bem sem dias livres – uma realimentação eventual de carboidratos pode sim ser útil para manter um bom nível desses hormônios.

Lembrando que, além do benefício hormonal, o dia do lixo também pode ter grande benefício psicológico, tornando maior sua aderência à dieta.

Por isso, vamos ver agora como encaixá-lo em cada uma das diferentes dietas low-carb, caso esse seja seu desejo.

Na dieta Slow Carb, o dia do lixo é uma das 5 regras fundamentais – e a sugestão de seu criador é que esse dia livre ocorra todas as semanas (o que ajuda a reforçar a importância de seguir corretamente a dieta nos outros 6 dias).

Na dieta paleo em sua versão low-carb, embora a ingestão de comidas “lixo” – isto é, alimentos excessivamente processados, cheios de ingredientes artificiais – não seja incentivada, pode ser interessante realizar uma realimentação de carboidratos bons.

Inclusive, se você se interessa por esse estilo alimentar, pode gostar bastante do nosso texto sobre como fazer um dia do lixo paleo.

Já no caso da dieta Atkins, é importante perceber que, em sua concepção original pelo doutor Robert Atkins, a dieta que leva seu nome não possui um dia do lixo.

Entretanto, há vários relatos de pessoas que adotam um dia livre ou refeição livre após o final da primeira fase da dieta ou da segunda fase.

Ao mesmo tempo que esse dia do lixo pode ajudar você a aderir melhor à dieta e renovar seu lado psicológico para a próxima fase, ele também pode apresentar o lado negativo de você perceber um aumento de peso de curto prazo.

Esse aumento de peso pode desestimular alguns praticantes, e talvez para eles não seja interessante fazer o dia do lixo.

Além disso, para algumas pessoas, fazer um dia do lixo também pode desencadear a compulsão por doces.

Relacionado: 3 Dicas Para Lidar Com A Vontade De Doces Na Low-Carb

Só você vai saber fazer o correto julgamento e decidir o melhor para você com base nos prós e contras apresentados e em seu autoconhecimento.

Por fim, no caso da dieta cetogênica, nós particularmente acreditamos que ele pode ser inserido de maneira ocasional.

Porém, preferencialmente apenas após seu corpo já estar cetoadaptado (cerca de 4 a 5 semanas após o início da dieta) – e desde que você não tenha nenhum quadro clínico que possa ser piorado com a ingestão de carboidratos em excesso.

Lembrando que no dia do lixo inevitavelmente você irá sair de cetose temporariamente, mas, se estiver cetodaptado, em cerca de 2 a 3 dias deverá retonar ao estado cetogênico se alimentando normalmente.

Resumindo: se for para tornar sua vida mais agradável, pode fazer.

A saúde é um processo que visa ao longo prazo, e não só um foco em “perda de peso agora”.

Posso realizar exercícios no dia do lixo?

hiit,exercício intervalado de alta intensidade,emagrecer,saúde,músculos,esteira,treino

Claro que sim! Na verdade esse é um dia no qual você pode se comportar normalmente com relação a suas atividades.

Se tiver vontade de treinar na academia, correr, fazer HIIT, praticar algum esporte ou simplesmente manter atividades físicas normais de um dia de dieta, sinta-se totalmente à vontade.

Inclusive, para os praticantes de exercícios com pesos na academia, essa pode ser uma boa oportunidade de alimentar os músculos com uma dose extra de carboidratos se você segue a dieta low-carb nos outros dias.

Me pesei após o dia do lixo e percebi que engordei. E agora?

Para começar, mantenha a calma. Não há absolutamente nada para se preocupar neste caso.

Em primeiro lugar, porque o corpo peso do corpo varia normalmente ao longo dos dias – então uma variação já é esperada mesmo entre dias que não são do lixo.

Em segundo lugar, porque após uma grande ingestão de carboidratos (e talvez outras “porcarias”), é normal que você esteja inchado e que tenha acumulado grande quantidade de água.

E por fim, porque você provavelmente comeu uma quantidade bem elevada de comida e ainda não teve tempo de eliminar tudo o que ingeriu no dia anterior.

Por isso que, mais uma vez, destacamos a importância de não se pesar todos os dias.

Sendo que uma alternativa melhor seria escolher um dia na semana (de preferência logo antes do dia do lixo) e se pesar sempre nas mesmas condições (por exemplo, após acordar e ir ao banheiro). Falamos mais sobre o assunto aqui.

Além disso, é válido ter em mente que o dia do lixo pode trazer benefícios de longo prazo, como uma maior facilidade de você seguir na dieta (por causa do alívio psicológico) e uma melhora nos níveis de alguns hormônios.

Mas que ao mesmo tempo, a curto prazo, pode ser que sua taxa de emagrecimento seja um pouco diminuída – especialmente se você se pesar após um dia livre.

A cada quanto tempo posso fazer dia do lixo?

Não existe uma frequência ideal para o dia do lixo.

Na verdade, a frequência varia de pessoa para pessoa, dependendo de muitos fatores – inclusive de quantos carboidratos e calorias você ingere durante a semana.

Por outro lado, se você deseja seguir uma dieta cetogênica, conforme dissemos acima, então o dia do lixo vai certamente te tirar da cetose – e talvez sair desse estado todas as semanas não esteja muito alinhado aos seus objetivos.

(Nesse caso, eu pessoalmente diminuiria a frequência de dias do lixo.)

Além disso, quanto menos gordura você tiver para queimar, mais você se beneficia de dias do lixo (ou realimentações de carboidratos como um todo).

Isso acontece por dois motivos.

O primeiro é porque o seu corpo já estará (provavelmente) mais sensível à insulina do que quando você iniciou sua dieta low-carb.

E o segundo é porque a produção da leptina e dos hormônios da tireoide são reguladas tanto pela ingestão calórica, quanto pela de carboidratos, quanto pelo próprio tecido adiposo da pessoa.

Isto é, pessoas com maior quantidade de gordura corporal naturalmente produzem mais leptina. Com isso, elas não têm tanta necessidade de um dia do lixo no início da dieta – e nem aproveitam tanto seus benefícios hormonais.

Depois de quanto tempo de dieta posso começar a fazer o dia do lixo?

dieta low-carb: cardápio, dicas, receitas e tudo o que você precisa para começar a emagrecer e ter saúde ainda hoje!

Assim como não existe uma frequência ideal para se fazer o dia do lixo, também não existe um intervalo de tempo predeterminado a partir do qual você deva começar a adotar essa prática.

Conforme dissemos acima, os benefícios fisiológicos do dia do lixo podem não ser tão grandes assim que você inicia a sua dieta.

Porém pensamos que você não deve pensar apenas nos benefícios fisiológicos do dia do lixo – mas também nos psicológicos.

E vamos dar um bom motivo psicológico para você adiar o seu dia do lixo e um bom motivo para você começá-lo na primeira semana.

Por um lado, conforme dissemos em nossas dicas para iniciar e triunfar em uma dieta low-carb, pode ser interessante adiar um pouco o dia do lixo.

Em primeiro lugar porque assim você aprende e cria o hábito de encontrar boas opções de alimentação, onde quer que você esteja.

Em segundo lugar porque isso te permite perceber que você pode dizer “não” para as pessoas a qualquer momento, e respeitar o seu corpo e as suas vontades – sem dever nada para ninguém.

E por fim porque ficar sem dia do lixo no primeiro mês de dieta, por exemplo, pode te ajudar a ver alguns resultados mais rapidamente, o que ajuda com motivação – e pode até mesmo ajudar a derrubar alguma compulsão alimentar.

Por outro lado, nós sempre dizemos que “a melhor dieta é aquela que você consegue seguir”.

Então, se colocar um dia do lixo a partir da primeira semana vai te dar forças para conseguir levar os outros 6 dias do seu novo estilo alimentar, faça-o sem culpa!

Eu sei que eu mesmo comecei assim – após anos de dietas frustradas, em que cortava “definitivamente” todos os alimentos de que mais gostava e não obtinha resultados, eu finalmente me encontrei numa dieta que me permitiu eliminar 16 kg de gordura sem passar fome.

O que é melhor: fazer um dia do lixo ou uma refeição do lixo?

Não existe uma resposta única para essa questão – mas uma tendência que percebemos é a de que muita gente começa optando por um dia do lixo inteiro, e com o passar do tempo migra para o formato de uma refeição lixo apenas (algo que curiosamente é endossado até mesmo na dieta Dukan com suas “refeições de gala”).

Do ponto de vista fisiológico, não é algo que deva impactar significativamente seus resultados – e do ponto de vista psicológico, você pode escolher sem culpa qual formato te agrada mais.


Resumo

O dia do lixo é tão gostoso e simples que é possível resumi-lo em um único infográfico, veja:

infografico-dia-do-lixo-preview

Referências:

  1. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/7489415
  2. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/7584987
  3. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/8532024
  4. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/8866554
  5. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/2204100
  6. https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/1117841

Save

Save

Save

Save

Save

Save

  • Ellen

    Olá. Eu comecei a dieta Dukan e estou começando a fase dois e gostaria de saber se é indicado fazer o dia do lixo nessa fase, afinal está sendo bem dificil manter e o dia do lixo me encorajaria mais a continuar. O que acha Sr. tanquinho?

    • SenhorTanquinho

      Olá, Ellen!
      Na dieta Dukan, existem as refeições de Gala, que possuem a mesma finalidade do “dia do Lixo”. Porém, as refeições de Gala só são permitidas a partir da terceira fase.

      Se você conseguir esperar até a terceira fase, é o ideal, afinal, foi desta forma que o Dr. Dukan obteve os resultados em seus estudos. Mas, se der uma saidinha da dieta algum dia, tudo bem, não é isso que vai atrapalhar seus resultados – desde que esta escapada da dieta não ocorra com muita frequencia, claro.

      Resumindo, o ideal é você esperar até a terceira fase para ter uma refeição de gala. Mas, comer algo fora da dieta um diazinho ou outro não vai acabar com seus progresso – dietas, acima de tudo, são para nos dar bom senso sobre nossa alimentação.

      Espero ter ajudado, Ellen. Obrigado pela pergunta e boa sorte com a dieta!
      Forte abraço,
      – Equipe Senhor Tanquinho.

      • Ellen

        Muito obrigada Senhor Tanquinho, estou bem mais tranquila e motivada agora.

  • SenhorTanquinho

    Olá Andressa,

    A dieta Atkins não foi elaborada para ter um dia do lixo. Apesar disso, respeitando a quantidade de carboidratos limite para um dia, você pode comer alguma bobagem, desde que não ultrapasse essa quantidade máxima.

    (Por outro lado, é claro que uma “derrapada” na dieta de vez em quando (uma ou duas vezes por mês) não vai atrapalhar muito seus resultados.)

    Mesmo assim, recomendamos que tente se ater às regras da dieta conforme proposta pelo Doutor Atkins. Se a ideia de um dia do lixo for realmente indispensável para você (pelo menos nas fases iniciais de sua reeducação), sugiro que comece com uma dieta que já os leva em consideração – como a dieta Slow Carb, por exemplo.

    Desse modo, a ingestão de comidas que mais desejar não será mais uma “fuga” da dieta, mas sim uma mostra de aderência a ela. Não parece melhor?

    Por fim, gostaríamos de agradecer por prestigiar o site :)

    Volte sempre e quaisquer outras dúvidas é só escrever novamente nos comentários.

    Forte abraço, 
    Senhor Tanquinho

    • Andressa Ravazzi

      Olá :)
      Ah, é MUITO melhor! rs
      Slow Carb, aí vou eu :D
      Obrigada pela atenção! O site é ótimo, parabéns!

  • Diego

    Qual o máximo de calorias que possso consumir

    • SenhorTanquinho

      Boa noite, Diego.

      Não há limites de calorias, consuma tudo o que quiser o quanto quiser! Divirta-se!

  • SenhorTanquinho

    O dia do lixo não é recomendado para a Dieta Paleo por dois motivos principais:
    – muitos dos alimentos que podemos considerar como sendo do dia do lixo (massas e doces, por exemplo) não são permitidos na dieta Paleo;
    – frutas, que são fontes de açúcar, são permitidas normalmente na dieta Paleo.

  • SenhorTanquinho

    Olá Bárbara,

    Excelente pergunta!

    Realmente, sob esse aspecto, o impacto do dia do lixo na dieta é minimizado. Nesse caso, a regulação dos hormônios tireoidianos será dada integralmente pelo uso de medicamentos.

    Forte abraço!

  • SenhorTanquinho

    Eliane,

    em primeiro lugar, meus parabéns! Afinal, emagrecer 4kg em 15 dias é um progresso bem considerável. Uma taxa normal de emagrecimento, para muitas pessoas, é em torno de 1kg por semana, então não há necessidade de estressar demais em busca de resultados. Lembre que você não ganhou peso do dia para a noite, então dificilmente o perderá em um período tão curto também.

    Em segundo lugar, gostaria de ressaltar a importância de considerar não só o peso da balança mas também suas medidas – além da consistência dessas medidas para obter números acurados. Elaborei um pouco mais neste artigo: http://www.senhortanquinho.com/12-dicas-imperdiveis-para-sua-dieta/

    E em terceiro lugar, creio que vale considerar o fato de que a dieta Paleo não é, necessariamente, baixa em carboidratos. Sendo assim, pode ser interessante avaliar suas refeições para conferir se está ingerindo carboidratos demais (e, nesse caso, diminui-los) ou então para verificar se está ingerindo calorias de menos (e, nesse caso, considerar um dia do lixo.

    Desse modo, se está se sentindo bem e feliz com a dieta, sugiro que continue com ela por pelo menos mais 15 dias, e depois pode se sentir a vontade para contar seus resultados para nós. Talvez estes relatos possam te inspirar: http://landing.senhortanquinho.com/depoimentos-casos-de-sucesso/

    Desejo muito sucesso na busca por seus objetivos!

    Forte abraço

  • Gabriella Mejia

    Comecei recentemente a dieta Dukan, estou na fase ataque, que é a primeira, a próxima fase é a cruzeiro, se eu fizer o dia do lixo devo recomeçar a dieta novamente? voltando a fase ataque ou vou para a cruzeiro? Help please

    • SenhorTanquinho

      Gabriella, a dieta Dukan não foi estruturada para ter um dia do lixo. Nela o dr Dukan estipulou as chamadas refeições de gala a partir da terceira fase, que podem ser comparadas com o dia do lixo em sua finalidade mas se resumem a apenas uma refeição e não um dia inteiro.

      Caso tenha escorregado na dieta e feito alguma refeição com alimento que não são permitidos, não precisa recomeçar a dieta, siga da onde parou.

  • renan

    Olá no dia do lixo se eu começar no sábado às seis da manhã posso ir até as seis da manhã do domingo ?

    • SenhorTanquinho

      Renan, pode sim. Não haverá nenhum prejuízo para sua dieta ou seus resultados.

  • SenhorTanquinho

    Boa noite, Monica,
    Para dar uma informação mais precisa seriam necessários mais detalhes sobre você (quanto peso está e onde quer chegar) e sobre a dieta que está fazendo.

    Se sua dieta tem restrição de carboidratos, pode ser que o dia do lixo se encaixe nela.

    Particularmente, recomendamos as dietas desta página (lá você já vai saber direitinho qual pode dia do lixo ou não):
    http://www.senhortanquinho.com/emagrecimento/

    Obrigado pelo elogio, estamos sempre trabalhando para fazer site cada vez melhor para vocês!

    Forte Abraço!

  • SenhorTanquinho

    Olá, Ramon
    Eu mesmo faço intermittent fasting, e durante muito tempo o combinei com dia do lixo.
    Para mim, particularmente, trouxe ótimos resultados!
    Acredito que o melhor que você pode fazer é tentar fazer o dia do lixo uma vez por semana por pelo menos 1 mês e ai avaliar seus resultados.
    Se achar que foram otimizados, continue. Caso contrário, abandone o dia do lixo.

  • Anna Beatriz Gama

    Isso é válido desde a primeira semana de dieta, Senhor Tanquinho?

    • SenhorTanquinho

      Boa noite, Anna,
      O “Dia do Lixo” é sim válido desde a primeira semana!

  • Olá, Mari

    Na verdade, o dia do lixo costuma ser usado em dietas com restrição de carboidratos (como a dieta slow carb) nas quais você não come pouco durante semana – eu comia e ainda como refeições de 1kg seis vezes por semana.

    Porém, a modificação importante não é apenas de quantidade, mas sim de QUALIDADE dos alimentos: isto é, O QUE você come.

    Sendo assim, o dia do lixo serve para que você tenha tanto um alivio psicológico quanto para que não prejudique a produção de hormônios que dependem dos carboidratos, assim preservando o seu metabolismo.

    Como, no caso, a sua alimentação regular já contém pão, arroz, e outros alimentos do tipo, a própria ideia de utilizar um dia do lixo fica prejudicada – e, nesse caso, não o recomendamos.

    Desejo muito sucesso na sua dieta – seja ela qual for.

    Forte abraço!

  • Olá, Dani,

    O dia do lixo é mais voltado para pessoas que fazem uma dieta com restrição no consumo de carboidratos, o que não é seu caso.

    Dessa forma, acredito que ele não trará benefícios que justifiquem sua adoção.

    Espero ter ajudado e desejo que tenha muito sucesso na dieta!

  • Olá Geovani,

    muito obrigado pelo seu comentário! E você está certo, pois é verdade que a cerveja diminui a testosterona. No entanto, esse efeito costuma ser amplamente exagerado pela maioria dos bodybuilders.

    Eu abordei essa questão neste artigo ( http://www.senhortanquinho.com/alcool-hipertrofia-e-emagrecimento/ ), do qual destaco o seguinte trecho:

    “Muito provavelmente você já ouviu falar que o álcool reduz a testosterona e, embora isto seja verdade, o impacto real costuma ser grandemente exagerado pelas pessoas. Um estudo de três semanas, no qual homens e mulheres deviam consumir entre 30 e 40 gramas de álcool por dia, mostrou uma redução de 6,8% na testosterona para os homens e nenhuma diminuição para as mulheres.

    Ou seja, uma ingestão de três latinhas de cerveja por dia, durante três semanas – e o resultado foi uma mísera redução de apenas 6,8% dos níveis de testosterona para os homens. Sendo assim, que efeito você acha que algumas cervejas em uma noite teriam sobre o seu corpo, uma ou duas vezes por semana? Quase nenhum!”

    (Os links para os estudos citados estão ao final do artigo)

    Ademais, é claro que um atleta em fase de competição não ingeriria cerveja – o artigo foi escrito para que pessoas normais do dia-a-dia possam dormir tranquilas sabendo que apenas beber cerveja 1 único dia na semana não jogará todos os seus resultados por terra.

    Forte abraço!

  • Olá Jéssica,

    vamos por partes:

    #1 – Leite, queijos, nata e derivados: sim, todos são excluídos na dieta Slow Carb. Exceções podem ser feitas apenas para queijo cottage, manteiga para cozinhar ou, preferencialmente, ghee. E, claro, no dia do lixo :)

    #2 – Você pode tranquilamente pular o dia do lixo na primeira semana. O ponto principal é que fazê-lo desde o início costuma ajudar pessoas que têm uma relação emocional com a comida, porque perceber que elas não têm de “deixar de comer” nada – apenas reagendar – é o que minimiza a desistência da dieta.

    #3 – A principal diferença é referente às leguminosas: feijão, lentilha, entre outras. Enquanto elas são permitidas na Slow Carb, não são aconselhadas numa dieta paleolítica.

    Espero ter te ajudado!
    Forte abraço

  • Joyce

    Uma das melhores coisas quando se quer emagrecer é pesquisar, e foi assim que cheguei até o site e que me deu uma motivação a mais por saber que vou poder comer meu brigadeiro sem culpa! :)

    • Obrigado pelo seu comentário, Joyce!

      E você está coberta de razão :)

      Por favor, sempre que desejar, sinta-se à vontade para deixar mais comentários aqui no site, combinado?

      Um forte abraço!

  • Gilberto

    Irmão , estou 5 dias de 0 carbo, vou competir daqui a 1 mês e 15 dias , estou com retencao de líquidos ainda, minha genética é muito difícil se perder peso , gordura e retenção , e engordo muito fácil , se eu fizer 1 dia no fds, no casa iria fazer só em 1 refeição com 1 pacote de aveia e pasta de amendoim , será que iria atrapalhar no meu processo de emagrecimento ?

    • Olá, Gilberto,

      Uma refeição do lixo certamente não irá atrapalhar seus resultados, pode ficar tranquilo. =)

      Muito sucesso na competição. Boa sorte!

      Forte abraço!

  • Rogério Meirelles

    Posso fazer o dia do lixo na dieta de Atkins de 20 em 20 dias, tipo dando um shock no meu organismo?

    • Olá, Rogério,

      Na dieta Atkins, conforme concebida pelo Dr Robert Atkins, não é recomendado fazer um dia do lixo.

      Porém, se é isso que está te separando de manter a dieta por um longo período, então acredito que seja válido adicioná-lo.

      Lembre-se sempre que o mais importante não é fazer a dieta perfeita mas sim manter a dieta por bastante tempo e torná-la a mais prazerosa possível.

      Forte abraço!

  • Marina

    Oi. Ti em uma reeducação alimentar a 3 meses e perdi 10kg. Hoje fiz dia do lixo e me pesei agora, a balança consta que aumentei 2kg. Estou assustada. Vcs poderiam me ajudar?

    • Olá, Marina,

      Obrigado por sua pergunta e gostaria de respondê-la abordando sua questão em 3 pontos:

      1) o dia do lixo é recomendado especialmente para dietas com restrição em carboidratos (dietas low-carb). Não conheço os detalhes da sua RA, mas geralmente não se trata de uma alimentação low-carb;

      2) a balança tomada sozinha é uma péssima aliada para mostrar seus resultados, conforme contamos aqui: http://www.senhortanquinho.com/medidas-corporais-guia-completo-tirar-medidas-do-corpo-com-fita-metrica/

      3) o pior dia possível para se medir ou se pesar é o dia do lixo. Isso porque certamente você terá uma alteração em seus indicadores.

      Por isso recomendamos que tire suas medidas e se pese apenas uma vez por semana, e sempre um ou dois dias antes do dia lixo, conforme abordamos no texto indicado.

      O que importa são os resultados de longo prazo, porque os benefícios desse dia não podem ser medidos instantaneamente, mas sim a médio e longo prazo.

      Obrigado,
      Forte abraço!

  • Marina

    Oi. Eu não faço dieta 0 carbo. Mas minha dieta é bem hipocalorica. Se no sábado eu fizer uma refeição livre, vai ter muito impacto na balança?

  • Rafael Ruan Brandt

    Caracaaaaaaa !!! muitos desistem da dieta sem saber dos tesouros que existem,coma saudavel 6 dias na semana junto com exercicios,e sem culpa,1 dia maravilhoso para as bobiças,isso sim é uma MOTIVAÇÃO para seguir em frente,pois para mim,os exercicios na academia não é o pior,mas sim a reeducação alimentar,agora estou 100% mais motivado!!!

  • Olá, Rafael,
    Obrigado por seu comentário. =)

    Realmente o dia do lixo é uma estratégia muito boa e que ajuda muitas pessoas que sem ele não conseguiriam fazer dieta.

    Porém, ele é mais recomendado para quem faz uma dieta Low-carb, o que aparentemente não é seu caso.

    Dessa forma, acho mais prudente você verificar com seu personal se o dia do lixo se encaixa no que ele está planejando para você, para que assim não haja conflito de informações.

    Forte abraço!

    • Rafael Ruan Brandt

      Obrigado pelas dicas !!!! Me sinto mais encorajado ao saber de novas estratégias nas dietas!!!

  • Jucimeire Marques

    Adorei as dicas. Muito bom este trabalho de vocês;

    • Obrigado pelo comentário, Jucimeire!

      Ficamos felizes que tenha gostado do texto. Esperamos que lhe tenha sido útil. =)

      Forte abraço

  • Renata

    Olá, minha maior dificuldade é o alcool. Adoro sair e beber, encaro bem a restrição de doces e algumas comidas que gosto. Minha dieta é a base de cetose, posso incluir o dia do lixo apenas bebendo?

    • Olá, Renata,

      Obrigado por seu comentário. =)

      Tirando os conhecidos prejuízos do álcool à sua saúde – e algumas calorias inúteis que ele contém – você pode sim fazer um dia do lixo “apenas bebendo”.

      Mas vale ressaltar que neste caso você não teria os benefícios hormonais do dia do lixo, mas o psicológico.

      Falamos mais sobre álcool e dieta em outro texto nosso: http://www.senhortanquinho.com/alcool-hipertrofia-e-emagrecimento/

      Esperamos ter ajudado,
      Forte abraço!

  • José Afonso Júnior

    Gostaria de saber se é possível ter uma “refeição de gala” na dieta cetogenica, se atrapalha, se tira do estado de cetose e em quanto tempo o organismo de adapta novamente.

    • Oi Jose Cu de bosta,

      para uma “refeição de gala” na dieta cetogênica, o raciocínio seria análogo ao do dia do lixo, isto é:

      A refeição de gala certamente vai te tirar do estado de cetose, ainda que temporariamente.

      Especialmente se você tem muito peso a perder, e deseja usar a cetose como ferramenta, fazer uma refeição de gala pode não ser a melhor ideia nos estágios iniciais – ou até que esteja cetoadaptado.

      Depois desse período, uma refeição de gala ocasional vai te tirar da cetose, mas nada que seu corpo não retorne em até uns 3 dias.

  • LEONARDO MANGOLIN RUBIO

    Olá, estou em uma dieta restritiva a carboidratos. Vai fazer 2 semanas que não escapo em sequer uma refeição. Porém sinto que já não estou tendo tantos resultados, seria a hora de fazer um dia de lixo, ou ainda está cedo?

    • Olá, Leonardo,

      Claro que a taxa de perda de peso tende a diminuir um pouco conforme você emagrece, isso é normal. Inclusive é natural que o emagrecimento não seja constante, e esse processo de “platô” seguido de “uau!” vai se repetir várias vezes…

      De toda forma dia do lixo pode ser sim uma boa estratégia após duas semanas de restrições. E falamos sobre isso e outras 3 estratégias para sair do platô aqui nesse vídeo: https://youtu.be/JBx9YCG0eHE

      Esperamos ter ajudado, Leonardo,
      Forte abraço!

  • Olá, Nathalia!

    Obrigado por seu email.

    Particularmente nós gostamos de fazer um jejum no dia posterior ao dia do lixo, quando fazemos um, geralmente até o jantar.

    Mas acreditamos que o melhor é você testar o que funciona melhor para você e seu corpo. :)

    Forte abraço!

  • Olá, Ane,

    Muito obrigado por seu comentário e por compartilhar sua experiência. :)

    Ficamos felizes em saber que tenha atingido seus objetivos!

    E realmente o dia do lixo pode ser uma ferramente muito útil para sair do platô durante uma dieta low-carb.

    Forte abraço!

  • Olá Kessya,

    muito obrigado pelo seu relato!

    Com certeza a nutricionista vai poder te ajudar a descobrir o que deve ser alterado para continuar progredindo.

    Uma dica legal para quem faz Paleo e não quer comer “lixo” é a de comer carboidratos “seguros” nesse dia de realimentação de carboidratos

    Entre os meus favoritos estão batatas (gosto de cozinhar na água ou no forno, e comer com alecrim, azeite e sal) acompanhadas de molho de tomate (que pode ser basicamente um monte de tomates e cebolas cozidos).

    Sem contar um eventual purê de mandioquinha…

    Tapioca e frutas também são boas adições – e até mesmo mel, sendo um pouco mais leniente ;)

    Enfim, são apenas sugestões!

    Esperamos que possam ser úteis e obrigado por nos acompanhar.

    Forte abraço!

  • ellen

    Boa tarde. Estou começando hoje a dieta cetogenica . Gostaria de saber quando devo começar o dia do lixo. apos 15 dias? apos uma semana? apos as 4 semanas?

    • Olá, Ellen,

      Acreditamos que seja melhor depois de 4 ou 5 semanas para fazer o primeiro dia do lixo, para ter certeza que seu corpo já estará cetoadaptado. :)

      Forte abraço!

      • ellen

        Maravilha ! Obrigada!

  • André,

    possivelmente, a resposta é sim!

    Pensamos que vale a pena experimentar e ver como os seus resultados se mantêm e como você se sente vivendo dessa maneira.

    Abração!

  • Olá, Renato,

    Nós particularmente preferimos adotar um jejum de aproximadamente 24 horas após o dia do lixo para promover algum tipo de limpeza celular (autofagia celular) após um grande estresse causado por toda essa esbórnia alimentar.

    Porém, acreditamos que isso não seja uma regra para todo mundo.

    O próprio Tim Ferriss, criador da dieta Slow Carb (que incentiva o dia do lixo semanalmente), não fala sobre JI antes ou após esse dia.

    Acreditamos que o assunto jejum intermitente foi abordado à exaustão pelo Dr Souto o médico canadense Dr Fung em um podcast gratuito que você pode escutar (ou ler em português) aqui nesse link: http://www.senhortanquinho.com/o-jejum

    Esperamos ter ajudado,
    Forte abraço!

  • Olá, Moniky,

    Você pode sim fazer o dia do lixo, tanto para amenizar questão psicológicas quanto para melhora hormonal. Se você tem vontade de fazer e acha que consegue retornar a dieta normalmente após ele, então siga seu coração e o faça. :)

    Um dia de esbórnia contra 60 dias e dieta seguida a risca não pode colocar tudo a perder, não é mesmo?

    Nós mesmos, por não termos mais peso a eliminar, fazemos o dia do lixo praticamente toda semana aos sábados.

    Esperamos ter ajudado,
    Forte abraço!

  • Olá Douglas,

    Obrigado pelo elogio.

    O dia do lixo foi feito justamente para se seguir a dieta corretamente ao longo dos outros seis dias.

    No entanto, o que já vi funcionar como alternativa viável é trocar esse dia por duas refeições “lixo” – por exemplo, uma na quarta e outra no sábado.

    (Porém esse caso só vi funcionar com elevados níveis de atividade física associado.)

    De todo modo, eu não acho que você tenha de sair da dieta para sociabilizar – uma taça de vinho ou uma dose de whisky (ou mesmo uma caipirinha sem adoçar) são bem mais adequados a uma dieta com baixo carboidrato do que a cerveja – e você ainda permanece na dieta.

    Quanto ao sanduíche, corte o pão – hambúrguer, queijo, alface e tomate são permitidos, e não te farão perder a sociabilidade.

    (É claro que você ainda não fará exatamente o que seus amigos estarão fazendo – mas toda mudança exige uma certa saída da zona de conforto, não é mesmo?)

    De todo modo, penso que vale a pena experimentar alguma dessas alternativas e, caso não interfira nos seus resultados, você pode ficar à vontade para comer ou beber como preferir :)

    Forte abraço!

  • Obrigado pelo comentário e pelas palavras gentis, Victória!

    E pensamos que você “pegou” a ideia muito bem mesmo: aproveitar como válvula de escape, oportunidade de relaxamento, e intensificador do foco :)

    Abração e obrigado por nos acompanhar!

  • Douglas,

    muito obrigado pela sugestão!

    Vamos trabalhar nessa “lista de compras low-carb” e avisaremos você por email quando estiver pronta!

    É um prazer ter leitores perspicazes e engajados como você na nossa audiência :)

    Abração

  • Oi Adriana,

    Não tem absolutamente nada de errado em observar o funcionamento do seu corpo! Pior é quem não está conectado com o próprio organismo, que por vezes o envenena dia após dia sem nem ao menos perceber.

    Parabéns pela responsabilidade com seu corpo, e pela coragem de perguntar o que quer saber ;)

    Tendo dito isso, vamos à resposta: muitas pessoas (inclusive nós mesmos) passam por essa situação após um dia do lixo.

    E é fato que o corpo não vai armazenar 100% do que você ingerir nesse dia de excessos alimentares.

    Desse modo, nós acreditamos que essa evacuação após o dia do lixo seja sim reflexo do seu corpo eliminando essa exorbitância ingerida no dia livre.

    Abraços!

    • Adriana Correia Leao

      Obrigada pela atenção e que bom que isso acontece, kkkm

  • Good Vives.

    Posso Comer Feijão na Dieta Low CARB? O que Fazer para Controlar a Ância Por Açúcar? Sou Vegetariano, o que Comer na Low Carb pra Substituir a Carne?

    • Olá, Guilherme,

      Obrigado por seu comentário. :)

      Na verdade feijão não é muito low-carb, mas para o caso de vegetarianos, pode ser interessante por contar certa quantidade de proteínas – você pode tentar inserir o feijão aos poucos e ir vendo seus resultados.

      Sobre a substituição da carne, os alimentos mais proteicos que teríamos são os ovos e queijos, que seriam nossa primeira opção. :)

      Esperamos ter ajudado,
      Forte abraço!

  • Oi Bi,

    Muito legal saber que você está tendo o acompanhamento de uma nutri alinhada à filosofia Low-Carb para montar sua dieta. Felizmente, estamos vendo cada vez mais profissionais aderindo a essa linha :)

    Tendo em vista esse fato, nossa sugestão seria de fato seguir a dieta passada pela sua nutri.

    Na nossa concepção pessoal, não vemos razão para restringir legumes de baixo amido (como abóbora, que você tanto gosta, e vegetais verdes, como folhas típicas de salada) nem proteínas – porque esses alimentos tendem a ser ricos em nutrientes e a fornecer grande saciedade.

    Por isso, comendo dessa maneira, dificilmente você comerá mais calorias do que o seu corpo necessita.

    Quanto à dúvida de o dia do lixo atrapalhar sua dieta e te fazer engordar, mais fácil do que fazer contas é experimentar na prática.

    Mas claro, ele não é um evento de fato necessário para se seguir a dieta – por isso, você pode ficar à vontade para fazê-lo de maneira mais infrequente do que todas as semanas.

    Já sobre a bolacha de arroz, nós realmente não vemos vantagens em consumi-la. Mas é claro que não é uma bolacha por dia que vai ser o fator crucial no seu processo de emagrecimento.

    Esperamos ter ajudado, forte abraço!

  • Ana

    Nossa, amei este post do dia do lixo. Acho super válido e muito mais gostoso dessa maneira. Tem alimentos que amo de paixão e gostaria de continuar consumindo e o dia do lixo me proporciona isto.
    Grata por ter encontrado vocês!
    Beijos!

    • Olá, Ana,

      Muito obrigado por seu comentário – ficamos felizes em saber que gostou dessa postagem. :)

      Forte abraço!

  • Olá, Ana Amelia,

    Obrigado por seu comentário. :)

    Na verdade, conforme dito no texto, o dia do lixo pode inclusive trazer benefícios hormonais e psicológicos que podem favorecer seus resultados a longo prazo.

    Mas é claro que não recomendaríamos se pesar no dia seguinte ao dia do lixo, afinal certamente há uma piora momentânea devido a grande retenção de líquidos e glicogênio advinda da grande ingestão de carboidratos.

    A melhor maneira de saber se o dia do lixo é uma boa alternativa para você e qual a melhor frequência para praticá-lo é realmente testando e vendo como seu corpo responde.

    Esperamos ter ajudado,
    Forte abraço!

  • Michele,

    penso que a frase “não são dois dias e sim duas refeições” se refere ao fato de que não são dois dias inteiros de gala, e sim duas refeições.

    Sendo assim, parece OK fazer as duas refeições de gala em dias distintos – como no seu exemplo, de um jantar na segunda-feira e um almoço na quarta-feira.

    Abraços

  • Olá,

    De fato não existe (até onde nós sabemos!) um extenso corpo de literatura publicada sobre o assunto.

    Aos poucos, acreditamos que estudos devem começar a ser feitos para investigar a real utilidade dessa prática (ou sua falta de utilidade).

    (Inclusive um estudo recente que vimos a respeito de performance física em low-carb prolongada foi este aqui: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/27766133

    Embora não aborde o dia do lixo especificamente. )

    De toda forma, acreditamos que o dia do lixo não seja “necessário” para todos – ainda mais nos casos em que pode desencadear compulsão alimentar, por exemplo.

    Escrevemos o texto porque acreditamos que existe sim um racional fisiológico para embasar o experimento em si mesmo, além de evidências anedóticas (dietas como a cetogênica cíclica e dieta flexível parecem subsidiar variações dessa prática).

    Isso sem contar, é claro, no alívio psicológico proporcionado.

    Desse modo, embora não exista uma resposta definitiva a respeito deste assunto, acreditamos que vale o experimento em si mesmo – a resposta individual sempre devendo ser considerada.

    Obrigado pelo seu comentário, abraços!

  • Ola Adriana!

    Na verdade poderia sim. Mas sinceramente não acho que seja necessário – se não há a necessidade de alívio psicológico com o dia do lixo, é só manter a dieta sem dia do lixo e pronto.

    Talvez a velocidade do emagrecimento caia um pouco, mas o mais importante é fazer algo que é melhor pra você.

  • Ola Bruna!

    Eu acho que isso quem pode descobrir melhor é você, a partir dos resultados que estiver tendo. Porém, muitas pessoas que seguem a cetogênica gostam de fazer a cada 10 ou 15 dias (2 ou 3 vezes por mês), para assim, passar bastante tempo em cetose e também evitar o efeito platô.

    Vai de você testar o que melhor se adapta, e colocar em prática!

    • Bruna Maeli

      Ok, vou começar a fazer a cada 15 dias e ver se dá certo.

      Muito obrigada pela atenção :D

  • Ola Julia! Obrigado pela participação

    Este artigo do Dr Souto responde parte de suas dúvidas: http://www.lowcarb-paleo.com.br/2012/12/comi-carboidratos-foi-tudo-por-agua.html

    Mas não acho que seja indicado fazer a cetogênica, e depois voltar a uma dieta tradicional. Na minha opinião você pode sim ser mais radical no começo, até atingir o peso que busca; mas o ideal é ir reinserindo aos poucos os carboidratos de volta ao dia a dia, de modo a encontrar uma quantidade ideal que não lhe faça ganhar nem perder peso :)

    Espero ter ajudado

  • Ola Nicole

    Exatamente, os benefícios fisiológicos relacionados aos hormônios tireoidianos não seriam verificados no seu caso

    Entretanto o dia do lixo ainda seria uma alternativa legal devido ao alívio psicológico, caso ache necessário

    Espero ter ajudado

  • Ola Juliana!

    Primeiramente parabens pelo peso já perdido, realmente é um otimo resultado

    Uma dica é que faça HIIT´s semanalmente. Leia mais aqui: http://www.senhortanquinho.com/hiit-treino-intervalado-de-alta-intensidade-como-fazer/

    Eles costumam acelerar bastante a queima de gordura e aumento no metabolismo.

    Espero ter ajudado

  • Ola Juliana!

    Nós que agradecemos

  • Ola José!

    Manda no email [email protected]

  • Ola Karina, boa noite.

    Os efeitos apresentados nesse artigo só existem caso você tenha uma alimentação Low Carb. Em dietas tradicionais você pode fazer o dia do lixo pelo quesito psicológico, mas não terá ajuda fisiológica.

    Espero ter ajudado!

  • Obrigado pelos elogios!

    Referências científicas são realmente indispensáveis quando o assunto é saúde

    Abraços

  • Carolina Lopes

    Parabéns pelo trabalho de vocês! Muito sério e confiável.

  • Boa noite André!

    Em uma dieta Low Carb tradicional o feijão não é permitido.

    Já na dieta Slow Carb (um tipo diferente de Low Carb) o feijão e outras leguminosas são permitidos; leia mais aqui: http://www.senhortanquinho.com/dieta-slow-carb-cardapio-receitas-lista-de-alimentos-permitidos-5-regras-para-emagrecer-agora/

    Além disso, na Slow Carb você tem a opção de escolher um dia na semana para ser o seu Dia do Lixo e você pode comer o que quiser.

    Abraços e continuo a disposição

  • Boa noite Larissa!

    Primeiramente, parabéns pelos resultados até aqui obtidos!

    Realmente os refrigerantes zero são uma melhor opção. Mas é sempre melhor evitá-los

    Alguns estudos mostram que o adoçante utilizado sinaliza a insulina, que é o hormônio responsável pelo armazenamento de gordura. Ou seja, quanto menos sinalizar a insulina, mais queima de gordura e mais definição muscular

    Espero ter ajudado!

    • larissa

      Obrigada meninos… Ajudaram muito! vou tentar retirar aos poucos da minha dieta. Estou sempre acompanhando vocês!!! bjao!!!

  • Josiane, bom dia!

    Na dieta cetogênica é melhor evitar o dia do lixo. Duas situações em que é interessante fazê-lo é: estagnação do peso e alívio psicológico. De resto não há porque

    Varia bastante de pessoa pra pessoa, mas ela costuma proporcionar bastante perda de peso sim, e ajuda muito na enxaqueca!

    A questão calórica é delicada. Em uma dieta low carb, como a cetogênica, não contamos elas, e você não precisa contar também; mas é legal saber que se houver um grande excesso delas é difícil perder peso. Por isso é importante ficar atento a alimentos muito calóricos e com pouca densidade nutricional, como é o caso dos doces low carb

    Espero ter ajudado e obrigado pelos elogios!

  • Boa tarde Josiane!

    Nós que agradecemos

    Suplementos vitamínicos livres de calorias/carboidratos podem ajudar. Falamos mais sobre eles em uma dieta cetogênica aqui: http://www.senhortanquinho.com/suplementos-dieta-cetogenica/

    Abraços!

  • Paloma, boa noite!

    Na verdade alterações no peso velocidade de emagrecimento são normais. Por isso o ideal é não se pesar muito

    Falamos mais sobre isso aqui: https://www.youtube.com/watch?v=QjVwVFPVNN0

    Além disso o dia do lixo pode ser interessante sim, ainda mais tendo em vista o alívio psicológico que eles trás, que é muito bem vindo após tantos dias “na linha”

    De toda forma, estou confiante de que você vai atingir seus objetivos, e estou à disposição para o que precisar!