Lanches Na Dieta Low-Carb: Conheça As Melhores Opções De Lanchinhos Saudáveis E Baixos Em Carboidratos Para O Café Da Tarde

O texto de hoje vem para atender aos pedidos de muitos de nossos leitores.

Porque nós vamos falar de opções low-carb práticas para lanche da tarde, café da manhã e lanchinhos em geral ao longo do dia.

Sendo que nós demoramos um pouco para escrever este texto.

Pois não temos o costume de adicionar lanches ao nosso cardápio low-carb do dia a dia.

No entanto, percebemos que muitas pessoas tinham essa dúvida — mesmo alguns alunos do nosso Treinamento De Cardápios E Refeições.

Então, hoje vamos falar das melhores opções de lanches low-carb.

Que servem tanto para lanche da manhã, quanto lanche da tarde, lanche da noite… ou mesmo pré e pós-treino.

Sendo assim, este é mais um artigo completo — que se soma às centenas de artigos que temos aqui no site.

Você pode ter acesso a todos eles ao se inscrever na nossa lista de emails 100% gratuita.

(Ao fazer isso, você ainda ganha de presente um exemplo de cardápio de 7 dias para perder peso.)

O email é nosso canal favorito de comunicação com você, e onde te enviaremos novidades, artigos, receitas e estratégias para você ter sucesso. 

Além do email, você também pode nos acompanhar na sua mídia favorita — pois estamos em diversos canais, incluindo Youtube, Instagram, e Telegram.

Tudo para deixar você no controle do seu corpo.

Dito isso, vamos ver quais são as melhores opções de lanches para a dieta low-carb e cetogênica.

Começando pela nossa favorita: não lanchar.

Opção De Lanche Low-Carb #1: Jejum

A primeira opção de lanche de que vamos falar é justamente aquela que nós preferimos como lanche da manhã e lanche da tarde.

Que é não fazer lanches — ou seja, ficar em jejum.

Esta opção acaba sendo natural para nós: porque fazemos boas e fartas refeições no almoço e no jantar.

E, com isso, acabamos por não ter fome e não comer entre as refeições.

Desta forma, frequentemente ficamos sem comer nada desde a hora de acordar até o almoço.

(Ou seja: pulamos o café da manhã e quaisquer lanches.)

Sendo que o jejum intermitente é uma prática que tem benefícios de saúde.

No entanto, é importante notar que pular os lanches não é algo forçado.

E sim uma consequência natural de se respeitar a fome.

Isso porque, numa dieta low-carb, você vai estar ingerindo nutrientes que dão alta saciedade — o que inclui fibras, gorduras e proteínas de boa qualidade.

Comendo dessa maneira, é normal que você pare de sentir fome a cada duas ou três horas.

Então, após almoçar, você simplesmente vai ficar saciado(a) e vai prosseguir com a sua vida. 

Vai trabalhar, estudar, treinar… — enfim, viver a vida — e depois só vai parar para jantar de novo.

Sendo que esta maneira de se alimentar torna esse estilo alimentar ainda mais prático.

(Até porque você não tem que ficar parando a cada pouco tempo, e nem se preocupando com o que comer nas próximas “pausas”.)

E é pelo fato de não termos fome que nós optamos por não fazer lanches a maior parte do tempo.

Na verdade, se você deseja começar o jejum, cortar os lanches pode ser um ótimo primeiro passo.

Pois, conforme diz a médica especialista em jejum Dra Maira Soliani.

Sentir fome o tempo inteiro é um sintoma muito importante, que eu nunca deixo de perguntar — porque a gente sabe que não tá certo: o paciente não tá indo bem quando a fome dele não desaparece com as mudanças. 

Então, o passo inicial para o jejum é primeiro cortar os lanches, ficar só com as principais refeições.

Mas pode ser que você queira sim ingerir algo nessas pausas — então é sobre isso que nós vamos falar agora.

E vamos começar falando de uma das nossas opções favoritas para pausas em geral: o cafezinho.

Bebidas low-carb que não quebram o jejum

O café é uma opção saudável de lanche — e é uma alternativa que adotamos no meio da manhã, por exemplo. 

No caso, optamos por tomar café sem nenhuma adição.

Até porque, como falamos, geralmente pulamos o café da manhã. 

E o café puro não interrompe os benefícios do nosso Jejum Intermitente.)Mas saiba que é possível acrescentar adições ao café, deixando-o mais substancioso.

Você pode, por exemplo, adicionar creme de leite ou algum outro tipo de gordura saudável.

Gorduras como leite de coco, óleo de coco e manteiga são as gorduras mais tradicionalmente adicionadas ao café numa dieta low-carb.

Além de poder adicionar canela, cardamomo, ou outro tempero para saborizá-lo.

Sendo assim, existem várias opções que você pode adicionar ao seu café para deixá-lo mais saboroso e mesmo mais saciante.

Isso o deixa com mais cara de “lanche” mesmo.

No vídeo abaixo, ensinamos uma possível versão do famoso “café à prova de balas”.

Apenas note que esta é uma opção carregada de calorias, e com relativamente poucos nutrientes.

Então, se você está tomando este tipo de café diariamente — e está num platô de perda de peso — saiba que esta opção não está necessariamente ajudando.

Agora, você também poderia acrescentar mais nutrientes a esse café.

Por exemplo, algumas pessoas que desejam aumentar a ingestão de proteína ainda optam por adicionar um pouco de proteína em pó, como whey protein.

Isso ajudaria a equilibrar a relação proteína-energia da sua alimentação (o que tende a ser mais favorável do que acrescentar apenas gorduras ao café).

No entanto, o café não é a única bebida que pode ser consumida como lanche.

Pois você também pode consumir bebidas como:

  • chás, tisanas e infusões,
  • chimarrão,
  • tereré,
  • água saborizada,
  • água com gás, gelo e limão,

dentre outras.

No geral, a regra é a seguinte: se você consumir apenas a bebida em questão (café, chá, chimarrão), você não quebrará o jejum.

Enquanto, ao acrescentar nutrientes a ela (gordura, proteína, etc), possivelmente diminuirá alguns dos benefícios de jejuar.

Resumindo: Uma resposta para a questão “o que comer de lanche” pode ser simplesmente “não comer lanches”.

No entanto, se você quiser efetivamente comer algo, vamos ver algumas opções variadas de lanches low-carb.

Certamente alguma delas funciona para você — começando com a básica escolha dos ovos.

Opção De Lanche Cetogênico #2: Ovos

Tanto com você fazendo lanches em casa, por exemplo, onde tem mais flexibilidade e equipamentos para preparar os lanches.

Quanto com você tendo de preparar os lanches de antemão, para poder levá-los com você para comer ao longo do seu dia. 

Uma opção que jamais poderia ser esquecida em se falando de dieta low-carb são os ovos.

Os ovos podem ser rapidamente preparados de diversas maneiras, o que os torna uma opção de alimento low-carb e cetogênico interessante para muitas ocasiões.

Por exemplo, se você estiver na rua, na faculdade ou no escritório, você pode levar alguns ovos cozidos (que foram previamente cozidos, descascados e temperados em casa), e na hora é só pegar um garfo e apreciá-los.

Por outro lado, se você estiver em casa, aí é muito mais fácil.

Porque você tem diversas opções para preparar seus ovos.

Ovos fritos, mexidos, omeletes… além de poder incrementá-los à vontade utilizando temperos e outros ingredientes, como o presunto e o queijo.

E, falando em presunto e queijo… 

Resumindo: Ovos feitos de todas as maneiras, com ou sem incrementos, são uma ótima opção tanto de lanche quanto de café da manhã baixo em carboidratos.

Opção De Lanche Low-Carb #3: Queijos E Embutidos

O queijo é um alimento low-carb que vai muito bem como uma opção de lanche.

Sendo que existem diversos queijos permitidos na dieta low-carb.

Eles também podem ser combinados a outros alimentos para compor um lanche ainda mais saboroso e completo sem deixar sua dieta low-carb ou cetogênica de lado.

Neste caso, uma combinação comum é com aqueles alimentos chamados de embutidos — como presunto, salame, bacon, peito de peru, etc.

Um uso simples para esses alimentos é, por exemplo, fazer um enroladinho de presunto, ou salame, com queijo.

A ideia é você deixar vários enroladinhos prontos de antemão dentro de um pote.

Assim, no dia seguinte, basta pegar esse pote e levá-lo para onde for, principalmente se você tiver uma geladeira para armazená-lo até a hora de comer.

É claro que ninguém deveria comer embutidos com frequência — e muito menos basear sua alimentação neles.

Mas é fato que comê-los esporadicamente não deve trazer prejuízos a sua saúde, sendo uma opção de lanche prático muito superior a outros alimentos, como alimentos à base de farinha de trigo e açúcar.

Até porque muita gente já come presunto e queijo no lanche da tarde — só que dentro do pãozinho.

Porém, se os embutidos, e até mesmo o queijo, geram controvérsias, provavelmente todo mundo considera nossa próxima opção saudável.

Pois estamos falando das frutas.

Que, além de saudáveis, totalmente paleo e comida de verdade, também podem complementar muito bem os enroladinhos de presunto e queijo, ou mesmo os ovos (como é o caso do abacate).

Opção De Lanche Cetogênico #4: Frutas 

Um grande expoente das dietas low-carb é o abacate sem sombra de dúvidas.

Isso porque o abacate, apesar de ser uma fruta, é um alimento rico em gorduras boas, muito saudável, e muito prático.

Sendo que além de servir como complemento de outros lanches, como no caso dos ovos, você pode comer o abacate puro mesmo.

Afinal, basta você abri-lo com uma faca, e comê-lo com uma colher — é muito fácil!

Portanto ele funciona muito bem como um lanche gostoso e nutritivo — e com baixíssima quantidade de carboidratos.

Mas claro que o abacate não é a única fruta low-carb que existe e que serve como lanche.

Outras opções de frutas que podem servir como lanche na dieta low-carb são o morango e a castanha do coco seco.

Ambos podem ser levados em potinhos para seu trabalho para serem comidos quando bater a fome.

Porém, aqui é válido um alerta.

O de que não é ideal consumir (a maioria das) frutas isoladamente quando você está de estômago vazio.

Porque, nesses casos, quando você come uma fruta, a tendência é que ocorra um pico de glicemia e de insulina numa velocidade muito maior do que ocorreria se a sua refeição combinasse as frutas com gorduras e proteínas.

Isso porque esses macronutrientes ajudariam a diminuir o índice glicêmico médio da refeição.

Por isso, opte por consumi-las junto a outras opções de lanches que estamos apresentando neste texto — como, por exemplo, um bolinho de caneca low-carb.

Resumindo: Frutas pobres em açúcares e carboidratos são boas opções de lanches na dieta low-carb ou cetogênica. 

É melhor ingeri-las juntamente com alimentos que são boas fontes de proteínas e gorduras.

Ensinamos como fazer as melhores combinações de alimentos em nosso Treinamento De Montagem De Cardápios Inteligentes.

Opção De Lanche Low-Carb #5: Bolinhos De Caneca

Bolinhos de caneca são uma opção rápida, fácil, gostosa e muito low-carb para seus lanches matutinos ou vespertinos.

Afinal, você só precisa ter consigo uma mistura de bolinho de sua preferência, misturar tudo e levar ao microondas dentro de alguma caneca por alguns instantes.

Mas, diferentemente das opções anteriores, para fazer bolinhos de caneca você deve ter um monte de ingredientes e muito tempo à disposição, certo?

Errado!

Claro que se você estiver em casa, então é muito mais fácil: basta você fazer alguma receita com os ingredientes que você tiver em mãos, e pronto! 

Porém, se você não estiver em casa, tudo bem também.

Por exemplo, estando na rua ou no trabalho, algumas alternativas são válidas para deixar sua vida mais prática:

  • você pode levar um bolinho que foi feito em casa (e nesse caso comê-lo com uma colher),
  • você pode levar uma mistura que você preparou na sua casa a seu gosto, sendo na hora apenas acrescentar um ovo e levar ao microondas, ou então
  • você pode comprar uma mistura pronta de bolinho de caneca low-carb, como essas vendidas pela chef paleo Dirlene D’Addio. Neste caso, basta colocar tudo numa caneca e aquecer no microondas por alguns minutos.

E se você estiver sem criatividade de qual receita de bolinho de caneca fazer, então pode seguir alguma das que nós já publicamos em nosso canal, como: o bolinho de coco, o de amendoim com chocolate, ou do minuto.

Você pode ver a receita de cada um desses bolinhos de caneca low-carb/cetogênicos aqui neste post.

Além disso, existem opções muito semelhantes aos bolinhos de caneca mas que não são feitas na caneca.

São os muffins — e aqui você confere uma opção doce e uma salgada desse prático bolinho.

Ou seja, opções não faltam se você estiver procurando um bolinho de caneca para variar seu dia a dia.

E se você gostou dessa ideia de receitinhas low-carb que você pode deixar prontas de antemão para na hora apenas comer, então a próxima seção foi feita para você.

Resumindo: Bolinhos de caneca (e mesmo muffins) são opção super práticas para seus lanches cetogênicos — principalmente se você já os deixar preparados de antemão.

Se você gosta de receitas práticas e fáceis, vai amar nosso livro físico “120 Receitas Low-Carb De Sucesso”.

Ele conta com as melhores receitas que já fizemos — todas elas pessoalmente testadas e aprovadas, com fotos reais, quantidade de carboidratos, e passo a passo simples de seguir.

Conheça o livro e receba em casa.

Opção De Lanche Cetogênico #6: Receitinhas

Nessa mesma levada dos bolinhos que você pode fazer em casa para comer na rua, na faculdade ou no trabalho, também existem diversas outras receitas low-carb.

Nesta parte do texto, nossa ideia é apresentar algumas daquelas que julgamos serem as melhores ideias para essas ocasiões.

Receitas de pães low-carb

Para começar, nada melhor do que mostrarmos algumas opções de pães low-carb — afinal pão tem tudo a ver com um café ou lanche da tarde, não é mesmo?

Aqui no site nós já postamos uma receita de pão low-carb à base de farinha de linhaça que fez muito sucesso, tanto pelo seu baixo custo quanto por ser gostosa e render bastante.

Mas sabemos que algumas pessoas torcem o nariz para a farinha de linhaça – e por isso fizemos um pão à base de outras farinhas low-carb.

Nosso pão low-carb de frigideira é muito prático e rápido, podendo ser preparado com farinha de amêndoas, ou de coco, ou qualquer uma que você tiver a sua disposição.

Além disso, nós fizemos um livro de receitas de pães low-carb que você pode baixar gratuitamente clicando aqui.

Mas além dos pães, podemos citar rapidamente muitas opções de lanches para sua dieta LCHF —  que são bem práticas.

E que armazenam bem — isto é, podem ser feitas agora, para serem consumidas depois.

Muito além do pão: outras receitinhas low-carb

Algumas outras opções comuns de lanches low-carb incluem (mas não estão restritas) as seguintes.

Queijadinha low-carb

A queijadinha é um verdadeiro clássico aqui do Senhor Tanquinho.

Esta receita já teve mais de 100 mil visualizações só no YouTube, e milhares de elogios e agradecimentos. 

Você pode preparar sua queijadinha low-carb na frigideira, ou então no forno.

Com queijo, coco, e ovo, sua saciedade e são paladar estão garantidos no lanche da manhã ou da tarde.

Panini low-carb

O panini foi uma das primeiras alternativas ao pão que descobrimos.

E foi um caso de amor à primeira vista: fácil de fazer, também fez tanto sucesso que foi incluído em nosso livro físico “120 Receitas Low-Carb E Cetogênicas De Sucesso”.

Veja como fazer panini low-carb aqui.

Pão de queijo Low-Carb

Pão de queijo low-carb? Mas isso não é possível!”

Esta é uma reação comum das pessoas quando ouvem falar no nosso supremo pão de queijo low-carb.

Na verdade, temos duas receitas incríveis de pão de queijo.

Uma dela é uma real adaptação baixa em carboidratos – perfeita para você que está controlando a quantidade de carboidratos ingerida para emagrecer.

Porém, aquelas pessoas que lidam melhor com a insulina e que optam por seguir uma dieta do tipo paleo se deliciam com a nossa versão “sem bruxarias” do pão de queijo tradicional.

Ambas as versões são feitas com apenas três ingredientes, e o único cuidado que você tem que ter para o seu lanche é preparar uma quantidade suficiente do pão de queijo.

Porque todo mundo ao seu redor que sentir o cheirinho maravilhoso dessa receita vai querer um pedaço.

Empadinha low-carb

Outra receita salgada de absoluto sucesso entre nossos leitores.

A empada low-carb é deliciosa, fácil de fazer, e possível de rechear com qualquer coisa: desde carne moída para as pessoas de gostos mais simples (como nós), até camarão para os refinados, passando por vegetais para os vegetarianos low-carb.

Um prato cheio, super fácil de fazer e de levar para qualquer lugar, esta é uma das nossas opções favoritas de lanches para todas as horas.

Nossa dica é fazer várias e levar num potinho (ou mesmo embrulhada em papel alumínio) para onde for.

E ela fica tão boa que não precisa nem esquentar na hora de comer.

Croquete cetogênico

Uma outra opção fantástica de lanche de dieta cetogênica que segue a mesma ideia da empadinha são os croquetes low-carb.

Além de serem “super comida de verdade”, elaborados com abóbora, carne moída e queijo ralada, ainda vão bem em qualquer hora do dia.

Inclusive, são uma de nossas sugestões para quando quiser fazer uma verdadeira festa de aniversário saudável e baixa em carboidratos.

Coxinha low-carb

Mais uma opção de alimento típico de festas, porém numa versão muito mais saudável.

Isso porque esta coxinha é baixa em carboidratos, e é assada (e não frita em uma imersão de óleos vegetais pró-inflamatórios). 

Vale a pena experimentar.

Agora, não são apenas as receitas que salgadas que podem ser boas opções para seu lanche da tarde na dieta low-carb.

Docinhos low-carb para o seu lanche

A vida é um doce, não é mesmo?

Por isso, vamos mostrar algumas receitinhas do nosso livro físico “120 Receitas Low-Carb E Cetogênicas De Sucesso” que já vimos os leitores utilizando como lanches durante a tarde.

E é claro que idealmente você não vai ficar comendo lanches low-carb todo santo dia… 

Afinal de contas, a base da dieta low-carb continua sendo de carnes, ovos, hortaliças, legumes, peixes, e aves (como você provavelmente já sabe). 

No entanto, o consumo ocasional de doces não deve botar tudo a perder.

Especialmente se forem doces baixos em açúcares, com boas gorduras, e num contexto alimentar majoritariamente composto por comida de verdade, minimamente processada.

Sendo assim, aqui vão algumas opções de doces que combinam com o momento dos lanches — levando em consideração, é claro, os avisos mencionados acima.

Bolo de cenoura low-carb

Este bolo de cenoura low-carb é uma verdadeira maravilha da culinária baixa em carboidratos.

Isso porque ele fica perfeito para aniversários, lanches, sobremesa…

E, obviamente, pode ser feito em casa e levado para o seu trabalho, faculdade, ou reunião de amigos.

O único cuidado que você tem de tomar é com a quantidade: porque é muito fácil comer diversos pedaços desse bolo cetogênico, e com isso acabar ingerindo calorias demais.

Por outro lado, se você estiver rodeado de amigos ou colegas, vai ficar fácil: porque eles certamente não vão deixar você comer tudo sozinho(a).

Afinal de contas, esse bolo é um lanche delicioso!

Assim como a nossa próxima receita.

Quindim low-carb

O quindim low-carb é uma receita de altíssimo sucesso aqui no site.

Basta lembrar que o próprio Dr Souto (que não comia um quindim há anos) comeu… e super aprovou!

Essa delícia à base de gemas, óleo de coco, coco ralado e adoçante low-carb fica tão gostosa que é até difícil acreditar que não faz mal.

Achamos uma boa para um lanche ocasional – e para lidar com a vontade de doces.

Cookie low-carb VIP

Outra receita de sucesso, esse cookie não deve em nada para aqueles cheios de farinha e açúcares… pelo menos em termos de sabor!

Clique aqui para saber como fazer os melhores cookies low-carb.

Paçoquinha low-carb

E uma receita de temática junina também pode ser útil para aquecer seu lanche da tarde no inverno, certo?

Esse é o caso da paçoquinha low-carb.

Sendo que essa receita é tipicamente junina… mas vai bem o ano todo.

Se você lida bem com amendoim, pode ser interessante experimentar.

Cocada low-carb

Mais um doce low-carb à base de coco –  e mais um sucesso!

Esta cocada low-carb é garantia de agradar aos fãs da tradicional sobremesa baiana.

E, falando em sobremesa com coco…

Barrinhas de Prestígio low-carb

Esta receita envolve duas de nossas paixões – coco e chocolate.

Sendo que ela não conta com adoçantes como xilitol, eritritol, stevia, ou qualquer outro.

E sim apenas com o sabor natural dos alimentos.

Se você gosta do Prestígio tradicional (e talvez já tenha até mesmo o consumido como lanche), então vai adorar esta versão low-carb.

O que essas receitas low-carb têm em comum?

Todas essas receitas low-carb têm em comum o fato de serem boas opções de lanches.

E, em todas elas, a ideia é a mesma: fazer porções generosas para durarem vários dias – e você ir levando como lanche um pouco por dia.

Sendo que essa culinária massiva ajuda a diminuir seu tempo gasto na cozinha —  e aumentar seu prazer na dieta.

Porém, pode ser que você não queira nem mesmo preparar receitas low-carb.

Tudo bem também.

Porque existem algumas iguarias low-carb que você já pode comprar prontas e depois apenas pegar uma porção para levar como lanche para o seu dia.

Resumindo: Além dos bolinhos de caneca, existem outras ótimas opções de receitas low-carb para seu café da manhã ou lanche da tarde, como pães, bolos, e salgadinhos cetogênicos.

Opção De Lanche Low-Carb #7: Opções Low-Carb Prontas

Nesta seção, vamos citar algumas opções low-carb que não envolvem preparo nenhum.

Um primeiro exemplo são as oleaginosas.

Como representantes dessa categoria, podemos citar:

  • avelãs,
  • amêndoas,
  • castanhas do Pará,
  • castanhas de caju,
  • macadâmia,
  • noz,
  • noz pecã,

dentre outras que podem fazer parte da sua lista de compras low-carb.

Além, é claro, das sementes low-carb:

  • semente de abóbora,
  • semente de girassol,
  • semente de melancia, 

dentre outras.

E mesmo dos amendoins.

Outro exemplo são os chips de provolone desidratados.

Esses chips podem ser feitos em casa, ou então comprados prontos.

Se você não sabe onde comprar estas opções de lanches low-carb, vai gostar de conhecer a Loja Tudo Low-Carb.

Esta loja tem produtos certificados, com laudo técnico, e faz entregas a preços justos para todo o Brasil.

Na nossa opinião, é muito bom ter essas opções de petiscos e aperitivos em casa.

Porque são alternativas low-carb para você poder oferecer para as visitas, e mesmo para você mesmo(a) se deleitar comendo de vez em quando.

Com essas opções, sabores e nutrientes não faltam.

E você pode levar tanto as oleaginosas quanto os chips de provolone para qualquer lugar: porque não precisa nem de geladeira para armazenar

Opção De Lanche Low-Carb #8: Smoothies & Shakes

Uma última opção que também é válido mencionar são os smoothies.

Você pode, por exemplo, preparar os smoothies low-carb na sua casa e levar numa garrafinha, num daqueles copos térmicos também.

Você pode conferir algumas opções de smoothies low-carb de alta saciedade neste post que preparamos.

Enfim, são várias opções que você pode preparar em casa, levar para o seu trabalho e tomar.

Eles são bem saciantes e, justamente por conter gorduras boas e proteínas, você não vai sentir fome tão cedo.

Já nesse ponto da proteína você pode também, simplesmente, levar também uma porção de whey protein como lanche — pois o whey isolado é bem baixo em carboidratos, e por isso pode encontrar seu lugar na low-carb também.

E falamos do whey com alguma ressalva.

Porque sempre preferimos a comida de verdade.

No entanto, sabemos que as pessoas por vezes optam pela praticidade.

E, nesse contexto, um whey de qualidade é certamente uma opção melhor do que certos shakes cheios de açúcar que se vendem como saudáveis.

Caso você opte por usar suplementos alimentares, é importante ter em mente as palavras da Nutri Paula Mello sobre eles.

Se precisar de qualquer suplemento, é importante que a pessoa avalie bastante cada marca — porque cada marca é um mundo.” 

Resumindo: Smoothies, principalmente aqueles com whey protein, podem ser uma boa alternativa de lanche baixo em carboidrato.

Conclusão E Palavras Finais

Neste texto, mostramos a você algumas das principais opções de lanches low-carb saudáveis.

Falamos sobre não lanchar, sobre receitas práticas, sobre alternativas pré-prontas…

Enfim, nosso maior enfoque foi na praticidade.

Para que você tenha facilidade e consiga seguir essas opções como um verdadeiro estilo de vida.

Afinal de contas, acreditamos firmemente na seguinte frase:

A melhor dieta é aquela que você consegue seguir.”

Então, com lanches ou não, o importante é achar o modelo de dieta que sirva melhor para você.

E, se você sente que poderia otimizar a sua alimentação atual, e realmente colher todos os benefícios de saúde e perda de peso que uma estratégia low-carb e cetogênica podem trazer a você…

Então eu tenho um convite para você.

Quero convidar você a participar do nosso Treinamento De Refeições E Cardápios Low-Carb Para Emagrecer

Este é um treinamento 100% online, e que vai te ensinar, do absoluto zero, como montar um cardápio para emagrecer com dieta low-carb ou cetogênica.

Vai te ensinar como montar o seu cardápio emagrecedor — um menu que se adapta a sua realidade — sem ter que passar horas na cozinha.

Além do Treinamento de Refeições em si, você ganha diversos bônus ao se inscrever hoje, incluindo:

Só por estes bônus já valeria a pena fazer o Treinamento de Refeições.

Sendo que você também leva:

  • pdfs com resumo prático + anotações das aulas;
  • materiais bônus (“esqueleto” do cardápio + scorecard dos alimentos) que não estão disponíveis em nenhum outro lugar;
  • aula bônus ao vivo somente para retirada de dúvidas;
  • acesso vitalício à aula e aos materiais de apoio do treinamento;
  • garantia platinum à prova de falhas de 7 dias: sua satisfação ou seu dinheiro de volta.

>>> Clique aqui para ver os conteúdos das aulas e fazer sua inscrição

Vai ser um prazer receber você no Treinamento — nos falamos por lá!

Forte abraço,
— Guilherme e Roney, do Senhor Tanquinho.

Receba atualizações dos comentários
Notifique-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments